De virada, Bengals batem Chiefs na prorrogação e vão ao Super Bowl 56

Evan McPherson brilhou e acertou o field goal decisivo que mandou os Bengals para o Super Bowl (Reprodução/Bengals)

Na grande final da AFC, realizada neste domingo (30), o Cincinnati Bengals surpreendeu o mundo e conquistou sua vaga no Super Bowl 56, ao superar o poderosíssimo Kansas City Chiefs por 27 a 24, no Arrowhead Stadium, em Kansas City. A partida foi dominada pelos Chiefs no primeiro tempo, mas os Bengals reagiram de forma incrível na segunda etapa e garantiram a conquista do Troféu Lamar Hunt de forma emocionante na prorrogação!

A virada dos Bengals após estarem com uma desvantagem de 18 pontos igualou a marca do Indianapolis Colts, que virou com uma diferença também de 18 pontos pra cima do New England Patriots na final da AFC de 2006. Esta é a primeira vez desde 1989 em que os Bengals chegam à grande final da NFL.

No comando da espetacular virada dos Bengals, Joe Burrow deu show novamente. O jovem super astro acertou 23 de 38 tentativas para 250 jardas, dois touchdowns e uma interceptação. As estatísticas podem não mostrar, mas o camisa 9 definitivamente cresceu nos momentos decisivos do duelo. Mais uma vez, Evan McPherson mostrou ter ‘gelo no sangue’, acertando todas suas quatro tentativas de field goal, incluindo o da vitória.

Do outro lado, Patrick Mahomes teve um ótimo início de partida, mas sofreu com o pass-rush e com decisões questionáveis até o encerramento do jogo. No total, o grande líder dos Chiefs acertou 26 de 39 passes para 275 jardas, três pontuações (no primeiro tempo) e duas interceptações (no tempo final e na prorrogação).

Veja também:

Mahomes dá show e Chiefs abrem boa vantagem, mas Bengals respondem no final da etapa

Depois de uma parada defensiva na primeira posse do jogo, os Chiefs abriram o placar com um verdadeiro ‘míssil’ no canto da end zone de Pat Mahomes para Tyreek Hill. Então, os Bengals responderam e se aproximaram do empate, porém a defesa de Kansas City cresceu na red zone e os visitantes saíram apenas com três pontos, cortesia de Evan McPherson.

Então, no começo do segundo quarto, os Chiefs seguiram com tudo. Mais uma vez, Mahomes brilhou, ‘dançando’ no pocket, criando tempo até encontrar Travis Kelce livre para o touchdown. Do outro lado, a defesa de KC seguia parando os rivais sem muitos problemas. Assim, em uma nova posse ofensiva, Mahomes seguiu dando show e passou para sua terceira pontuação da tarde, desta vez para Mecole Hardman.

Finalmente, os Bengals mostraram sinal de vida e encerraram a etapa com o ‘momento positivo’ ao seu lado. Entrando no minuto final do primeiro tempo, Samaje Perine anotou um TD em uma recepção de 41 jardas. Depois, a defesa parou o ataque dos Chiefs na linha de uma jarda, evitando uma outra pontuação no lance final da etapa. Assim, Kansas City partiu para o intervalo com uma vantagem de 21 a 10 sobre Cincinnati.

Bengals reagem, viram a partida, mas Chiefs conseguem empate no segundo final e jogo vai para a prorrogação

No retorno do intervalo, os Bengals colocaram fogo de vez na partida. Se nas três primeiras posses do jogo os Chiefs pontuaram, a historia no começo do segundo tempo foi totalmente ao contrário. Primeiramente, McPherson anotou mais três pontos com um field goal.

Após isso, uma interceptação do nose tackle B.J. Hill colocou Cincinnati em ótima posição e Joe Burrow encontrou Ja’marr Chase com um belo passe na end zone. Na sequência, Burrow passou para Trent Taylor livre na conversão de dois pontos. Desta forma, o jogo partiu para os 15 minutos finais em 21 a 21 com uma vaga para o Super Bowl em jogo.

No entanto, a defesa dos Chiefs acordou e interceptou Burrow no início do quarto final, revertendo o momento para os donos da casa. Ainda assim, Kansas City não pontuou e logo devolveu a bola para Cincy. Então, em um drive marcado por dois first downs heróicos de Burrow correndo com a bola e quebrando tackles, os Bengals assumiram a liderança, com um chute de 52 jardas de McPherson.

Na posse final do confronto, Mahomes ‘acordou’ e marchou com seu ataque pelo campo. Próximos a end zone, os Chiefs correram alguns riscos e viram o camisa 15 sofrer um fumble nos segundos finais. Mesmo assim, a equipe conseguiu empatar a partida com Harrison Butker, de 44 jardas e assim, partimos para a prorrogação!

Mahomes é interceptado e McPherson classifica os Bengals para o Super Bowl!

Da mesma forma como na semana passada, os Chiefs começaram com a bola na prorrogação. Porém, uma bela jogada defensiva de Jessie Bates resultou em uma interceptação de Von Bell. Então, os Bengals marcharam tranquilamente, conquistando diversas primeiras descidas até chegarem na ‘cara do gol’ para Evan McPherson, mais uma vez, chutar o field goal da vitória! Placar final, Cincinnati Bengals, finalista do Super Bowl, 27, Kansas City Chiefs 24.

    Matheus Puk

    Ex-estudante de jornalismo, Matheus escreve sobre suas maiores paixões: os esportes americanos.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Odds Shark Ad Bottom