Buccaneers batem Eagles facilmente na abertura do Wild Card da NFC

Defesa dos Buccaneers brilhou e ajudou Tom Brady a criar vantagem larga na vitória da equipe (Reprodução/Buccaneers)

No primeiro confronto de Wild Card da NFC neste domingo (16), o Tampa Bay Buccaneers bateu tranquilamente o Philadelphia Eagles por 31 a 15, no Raymond James Stadium, casa dos Bucs. Embora o placar aponte até um pequeno equilíbrio, todos os pontos dos Eagles foram anotados nos 10 minutos finais da partida, quando a equipe já não tinha mais chances de virada.

Agora, a equipe aguarda o cabeça de chave melhor classificado entre as outras quatro equipes presentes na rodada de Wild Card da NFC (Cowboys, 49ers, Cardinals e Rams). Na semana que vem, os Buccaneers também jogarão em casa.

Como sempre, Tom Brady comandou o show de Tampa Bay. De forma ‘metódica’, sem grandes riscos, o ‘GOAT’ concluiu 29 de 37 passes para 271 jardas e duas pontuações. Outro ponto positivo foi a defesa dos Bucs, que segurou os Eagles sem pontos até o quarto final e causou quatro turnovers importantíssimos no confronto.

Do outro lado, Jalen Hurts sofreu e somou a maior parte de seus números positivos apenas nos momentos finais do jogo. No total, o QB dos Eagles acertou 23 de 43 tentativas para 258 jardas, um touchdown e duas interceptações. Além disso, ele somou mais 39 jardas correndo com a bola.

Veja também:

Buccaneers abrem vantagem confortável sobre os Eagles com dois touchdowns no primeiro tempo

Primeiramente, os Buccaneers saíram na frente, logo em sua primeira campanha de ataque. Após bons passes de Tom Brady, o RB Giovani Bernard encontrou um espaço em uma corrida curta de duas jardas e penetrou a end zone. Depois, a equipe dobrou sua vantagem para 14 pontos. Desta vez, o responsável pelo curto TD terrestre foi Ke’shawn Vaughn.

Então, a defesa dos Eagles pegou o ritmo ofensivo dos Bucs e cedeu apenas mais três pontos no restante da etapa. Além disso, o pass-rush começou a funcionar e sackou o camisa 12 em três oportunidades. Porém, o ataque de Philly seguiu nulo. O grupo até produziu jardas em duas campanhas, mas ambas terminaram em aturnovers. Assim, os Buccaneers partiram para o intervalo com uma vantagem de 17 a 0 sobre os Eagles.

Domínio dos Buccaneers se estende até o final do jogo e equipe garante fácil classificação

Da mesma forma como na etapa anterior, os Eagles seguiram decepcionante e sofrendo com erros bobos, como o fumble de Jalen Reagor tentando retornar um punt. Na sequência disso, os Buccaneers voltaram a anotar outro touchdown em um passe de Brady para o seu alvo favorito, Rob Gronkowski.

Então, após uma interceptação de Shaq Barrett pra cima de Jalen Hurts, os Bucs mataram o jogo de vez no lance seguinte, um longo passe de Brady para Mike Evans para a pontuação de 36 jardas. Antes do encerramento do terceiro quarto, a vantagem de Tampa Bay era de 31 pontos.

Finalmente no início do quarto final, uma longa corrida de 34 jardas de Boston Scott tirou o zero do placar para os Eagles. Ainda houve tempo para outro TD contra a ‘relaxada’ defesa dos Bucs, desta vez com Kenneth Gainwell recebendo um passe de Hurts.

    Matheus Puk

    Ex-estudante de jornalismo, Matheus escreve sobre suas maiores paixões: os esportes americanos.

    Odds Shark Ad Bottom