Defesa dos Chargers brilha em triunfo contra os Bengals

Justin Herbert brilhou com três touchdowns e 317 jardas aéreas na vitória dos Chargers (Reprodução/Chargers)

Em partida realizada neste domingo (05) pela semana 13 da NFL, o Los Angeles Chargers (7-5) bateu o Cincinnati Bengals (7-5) por 41 a 22, no Paul Brown Stadium, em Cincinnati.

Com o resultado, os Chargers voltam a vencer na temporada e respiram um pouco mais tranquilos. Isto porque o triunfo mantém a equipe na segunda colocação da AFC West, além de deixar os comandados de Brandon Staley melhor posicionados para uma possível vaga de Wild Card nos playoffs. Já os Bengals se distanciam do topo da AFC North e ficam com uma campanha similar a de Los Angeles na embolada briga por uma vaga na pós-temporada.

Voltando a atuar bem, Justin Herbert comandou o ataque dos Chargers, acertando 26 de 35 passes para 317 jardas, três touchdowns e apenas uma interceptação. Seu principal parceiro foi Mike Williams, que em apenas cinco recepções, somou 110 jardas.

Por outro lado, Joe Burrow sofreu com o pass-rush e completou 24 de 40 tentativas para 300 jardas, uma pontuação e duas interceptações. Além disso, ele sofreu um fumble e lesionou um dedo em sua mão direita, o que prejudicou sua performance pela maior parte da tarde.

Veja também:

Chargers dominam primeiro quarto, abrem larga vantagem, mas Bengals respondem

Primeiramente, os Chargers começaram com tudo, dominando o primeiro quarto e se aproveitando de turnovers. Na primeira posse de bola, Justin Herbert encontrou Keenan Allen para um TD de quatro jardas. Pouco depois de um fumble de Joe Burrow, Los Angeles ampliou sua vantagem com um field goal de Dustin Hopkins.

Após uma interceptação de Burrow, os Chargers voltaram a pontuar, mais uma vez com a conexão Herbert/Allen. Então, depois de alguns punts, os visitantes voltaram a pontuar com um belo passe longo de Herbert para Jalen Guyton anotar o touchdown, dando uma vantagem de 24 pontos para sua equipe.

Finalmente, os Bengals acordaram. Com dois touchdowns rápidos – uma recepção de 29 jardas de Tee Higgins e uma corrida improvisada de Burrow para a end zone – a equipe diminuiu sua desvantagem. Assim, o placar no intervalo marcava 24 a 13 para o Los Angeles Chargers.

Bengals encostam de vez, mas Chargers respondem com turnovers e saem com o triunfo

Na volta dos vestiários, os Bengals seguiram na busca pela virada, somando mais três pontos com um field goal de Evan McPherson. Logo a seguir, Austin Ekeler sofreu seu segundo fumble na partida e devolveu a bola para Cincinnati. Rapidamente, os donos da casa aproveitaram a oportunidade e encostaram de vez no placar com uma corrida de nove jardas de Joe Mixon (24 a 22).

Em contrapartida, no início do quarto final, Mixon falhou e também sofreu um fumble, recuperado e retornado para touchdown pelo defensor Tevaughn Campbell. Na sequência, os Chargers mataram de vez o jogo com uma boa campanha finalizada em um TD corrido de Ekeler. Dessa forma, a equipe de L.A. abriu sua vantagem para 16 pontos com apenas 10 minutos por jogar na tarde.

Logo após isso, os Bengals até se aproximaram de uma rápida pontuação, mas outra interceptação de Burrow matou de vez as chances do seu time. Ainda houve tempo para Hopkins anotar outro FG para os visitantes. Placar final, Chargers 41, Bengals 22.

Próximos jogos de Bengals e Chargers

Na semana 14, ambos os times voltam a campo no domingo (12): às 18h05 os Chargers recebem os Giants. Enquanto isso, às 18h25, os Bengals recebem os 49ers.

    Matheus Puk

    Ex-estudante de jornalismo, Matheus escreve sobre suas maiores paixões: os esportes americanos.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom