Saints batem os Seahawks em duelo truncado em Seattle

Alvin Kamara foi o destaque da partida no Lumen Field (Reprodução/Saints)

O Monday Night Football da semana 7 não foi de encher os olhos, mas trouxe um duelo bastante equilibrado e decidido nos minutos finais no Lumen Field. O Seattle Seahawks bem que tentou, mas e muito difícil vencer sem o lesionado Russell Wilson. Mesmo longe de encantar, o New Orleans Saints foi eficiente e volta para casa com uma vitória importantíssima de 13 a 10 na noite desta segunda-feira (25) em Washington.

New Orleans deu conta do recado e foi superior no Lumen Field tanto em jardas totais como em tempo de posse. Jameis Winston não foi brilhante como o antecessor Drew Brees, mas foi eficiente: 19 de 35 passes completos para 222 jardas, um touchdown e nenhuma interceptação. A defesa apareceu muito bem, principalmente nos minutos finais, e foi decisiva com cinco sacks em Geno Smith.

Falando do QB dos Seahawks, difícil o torcedor não lamentar profundamente a ausência do lesionado Russell Wilson. Smith teve números bem medianos (12/22, 167 jardas e um TD) e não foi capaz de tirar um coelho da cartola e, pelo menos, levar o duelo para a prorrogação – como o camisa 3 cansou de fazer em jogos de horário nobre. A defesa segurou as pontas, limitando New Orleans a apenas 13 pontos, mas algumas jogadas pontuais no último quarto comprometeram a tão aguardada vitória em casa.

Veja também:

Saints saem na frente dos Seahawks na primeira etapa

O duelo teve um início bastante truncado no Lumen Field: foram seis punts apenas no primeiro período (três de cada lado). Apenas um drive resultou em pontos – e foi do time da casa: Geno Smith soltou o braço e encontrou DK Metcalf em um touchdown incrível de 86 jardas. Seattle na frente no MNF.

Apagado até então, o ataque dos Saints dominou totalmente o segundo período em tempo de posse, mas não conseguiu abrir uma vantagem maior. New Orleans teve uma campanha gigantesca de mais de dez minutos, mas teve que contentar com um field goal curto de Ryan Johnson. O único touchdown dos Saints no jogo veio minutos antes do intervalo: conexão de 13 jardas de Jameis Winston para Alvin Kamara. Assim, New Orleans foi para os vestiários vencendo por 10 a 7.

New Orleans administra vitória em Seattle

Seattle voltou bem para a segunda etapa e teve a chance de empatar a partida no Lumen Field, mas Jason Myers errou um field goal de 44 jardas. O kicker teve outra chance minutos depois, após um fumble dos Saints, e deixa vez colocou dentro do “Y” – deixando tudo igual em Washington: 10 a 10.

Os Seahawks tiveram mais um bom drive no começo do último período, de mais de cinco minutos, mas outra vez pararam na capacidade do seu kicker: Myers errou um difícil chute de 53 jardas (na chuva). Zerado até então na segunda etapa, o ataque dos Saints fez o suficiente para garantir a vitória apertada fora de casa: foram 16 jogadas até posicionar Brian Johnson para um chute de 33 jardas. O calouro não sentiu a pressão, colocou a bola dentro do “Y” e deu a vitória muito importante para os Saints em Seattle!

Próximos jogos de Seahawks e Saints

As duas equipes voltam a campo no próximo domingo (31) às 17h: os Seahawks recebem os Jaguars no mesmo Lumen Field e os Saints recebem os Buccaneers no Mercedes-Benz Superdome.

    Matheus Filippi

    Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL, Matheus Filippi é fundador e editor-chefe do Última Jarda

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom