49ers sofrem, mas vencem os Eagles em jogo truncado em Philly

Jimmy Garoppolo foi eficiente na vitória contra os Eagles (Reprodução/49ers)

O duelo entre Philadelphia Eagles e San Francisco 49ers prometia ser um tiroteio de dois bons ataques, mas o que se viu no Lincoln Financial Field foi um embate truncado e comandado pelas defesas. Os Eagles fizeram jogo duro e tiveram suas chances, mas no fim a regularidade dos Niners prevaleceu: vitória por 17 a 11 na tarde deste domingo (19) na Filadélfia.

Embora o ataque dos 49ers ainda esteja longe daquela explosão que se espera dos times de Kyle Shanahan, a equipe conseguiu achar espaços na segunda etapa e garantiu a vitória correndo bem com a bola e gastando o relógio. Pressionado, Jimmy Garoppolo não encantou: 22 de 30 passes completos para 189 jardas, um touchdown e nenhuma interceptação. Sem Raheem Mostert, os Niners usaram um comitê para correr com a bola: sete jogadores tiveram, pelo menos, uma carregada.

Já do lado dos Eagles, o revés pode ser considerado um ‘choque de realidade’ após o atropelamento contra os Falcons na semana 1. Philly fez um bom primeiro tempo defensivamente e teve chances de abrir vantagem, mas acabou dando vários tiros no pé. As Águias reagiram nos minutos finais, mas não conseguiram ter a bola de volta para buscar a vitória. Jalen Hurts sofreu com o forte pass-rush dos Niners e não teve números expressivos lançando a bola, mas foi destaque correndo para 82 jardas e um touchdown.

Veja também:

Eagles começam bem, mas 49ers reagem no fim da primeira etapa

Impulsionado por uma torcida empolgada, que não via os Eagles no Linc desde os playoffs de 2019, Philly começou bem a partida: a defesa forçou três punts consecutivos e o ataque teve chances de abrir vantagem. Pressionado, Jalen Hurts não capitalizou as chances e os Eagles tiveram que ir para o field goal em duas oportunidades. A primeira Jake Elliott converteu, mas a segunda foi bloqueada por San Francisco. 3 a 0 Eagles.

Os tiros no pé de Philadelphia continuaram no segundo período. As Águias tiveram uma quarta descida na última jarda do campo, mas saíram zerados do drive: Nick Sirianni arriscou uma trick play muito similar a famosa Philly Special, mas a defesa dos Niners não mordeu a isca. Empolgado pelo turnover, San Francisco teve o único bom drive do primeiro tempo, caminhou 97 jardas e tirou o zero do placar com um touchdown de Garoppolo para Jauan Jennings. Assim, San Francisco foi para os vestiários vencendo por 7 a 3.

>> VEJA TODAS AS TRANSMISSÕES DA SEMANA 2 DA NFL EM 2021

49ers encaixam jogo terrestre e administram a vitória

Os 49ers fizeram alguns ajustes no intervalo e voltaram melhores na segunda etapa: a defesa forçou três punts consecutivos e o ataque encaixou o jogo terrestre. Foi assim que San Francisco ampliou a vantagem: campanha de nove minutos finalizada com um mergulho de Jimmy Garoppolo para dentro da end zone. Robbie Gould ainda colocou mais três pontos no placar com um chute de 46 jardas. 17 a 3 Niners.

Os Eagles acordaram nos minutos finais, mas era tarde demais. Hurts fez boas jogadas com as pernas e diminuiu a vantagem com um touchdown terrestre, mas não teve a bola de volta para tentar virar o jogo. Os 49ers gastaram os quatro minutos restantes do relógio com maestria e garantiram um triunfo importantíssimo fora de casa – o primeiro em 2021!

Próximos jogos de 49ers e Eagles

Ambas as equipes voltam em jogos de horário nobre na semana 3. San Francisco recebe o Green Bay Packers no Sunday Night Football no Levi’s Stadium às 21h20. No mesmo horário, mas no dia seguinte, os Eagles visitam o Dallas Cowboys no AT&T Stadium no Monday Night Football.

    Matheus Filippi

    Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL, Matheus Filippi é fundador e editor-chefe do Última Jarda

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom