Prévia do Denver Broncos na temporada 2021 da NFL

Teddy Bridgewater liderará o jovem ataque dos Broncos, enquanto a defesa oferece um altíssimo potencial para a temporada 2021


Depois de um ano abaixo do esperado, o Denver Broncos aposta no mediano Teddy Bridgewater e em uma defesa forte e recheada de potencial para surpreender na AFC West. Confira a prévia dos Broncos em 2021!

Campanha dos Broncos em 2020: 5-11
Principal reforço dos Broncos para 2021: CB Kyle Fuller
Principal ausência dos Broncos em 2021: OT Ja’Wuan James

Prévia do Denver Broncos em 2021: Vic Fangio busca evolução com um grupo balanceado para a nova temporada

Em 2020, o Denver Broncos, devido a uma variedade de fatores, ficaram aquém do que poderiam ter sido. Problemas constantes com a COVID-19 e o baixo nível do quarterback Drew Lock, foram fatores extremamente negativos para Denver. No entanto, a perspectiva para 2021 é diferente e indica positividade para os torcedores, mesmo em uma divisão tão dura como a AFC Oeste.

A secundária, bem reforçada na free agency, também conta com a chegada do novato Patrick Surtain Jr. Os Broncos devem contar com uma mentalidade focada em seu principal ponto forte, que é a defesa. Além disso, o novo GM, George Paton, manteve seu jovem grupo de recebedores, dando ao treinador Vic Fangio um elenco bem balanceado para a temporada.

Embora esteja em apenas seu terceiro ano na liga, esta pode ser a última chance de Lock para provar que ele é um quarterback titular da NFL. E pelo visto, o jovem já começou mal, tendo em conta o recente anúncio de Teddy Bridgewater como titular. Veja a prévia do Denver Broncos na temporada 2021 da NFL!

Veja também:

Ataque jovem dos Broncos deve crescer de produção

Denver colocou seu novo QB titular, Teddy Bridgewater, em uma boa posição para ter sucesso nesta próxima temporada. Garett Bolles renovou e deve ancorar uma linha ofensiva aprimorada e melhor balanceada. Principal recebedor da equipe, Courtland Sutton busca um ano saudável para se juntar wide receivers de segundo ano Jerry Jeudy e KJ Hamler. Se os três se encaixarem bem no sistema, os Broncos podem ter um ‘monstro de três cabeças’ no jogo aéreo.

Enquanto isso, o tight end Noah Fant parece pronto para dar outro salto de produção depois de um sólido 2020. Suas 673 jardas de recepção na temporada passada ficaram em sexto lugar na liga entre os tight ends. Melvin Gordon deve mais uma vez liderar o grupo de corredores, com apoio do promissor novato Javonte Williams, que tem potencial para futuramente tomar a frente do grupo de running backs. Considerando todas as coisas, se Bridgewater (ou Drew Lock) puder tirar o melhor proveito desta unidade, os Broncos poderão surpreender bastante no ataque.

>>CONHEÇA A HISTÓRIA DO DENVER BRONCOS

Pass-rush potente e secundária forte são os grandes trunfos da defesa

Em uma divisão com Patrick Mahomes, Justin Herbert e Derek Carr como QBs adversários, ter alguns playmakers no lado defensivo da bola não é uma má ideia. Felizmente para Denver, eles têm mais do que alguns à sua disposição. Von Miller e Bradley Chubb estão mais uma vez reunidos no pass-rush, o que deve causar grandes problemas para a liga como um todo. Na única temporada completa em que eles estiveram juntos (2018), a dupla combinou para um total de 26,5 sacks. Enquanto isso, Shelby Harris deve ancorar as trincheiras da linha defensiva dos Broncos.

Com uma série contratações pontuais, Denver também agora tem uma secundária reformulada que pode pintar entre as melhores da NFL em 2021. Poucas equipes contam com um trio tão perigoso como Patrick Surtain, Kyle Fuller e Ronald Darby – mesmo levando em conta que Surtain é um mero ‘novato’. Após receber uma bela renovação contratual, Justin Simmons chega com tudo como principal líder desta secundária e como um dos principais safeties de toda a liga.

COMO APOSTAR NO DENVER BRONCOS EM 2021

Ganhar o Super Bowl: paga R$ 41 para 1 segundo o Odds Shark
Ganhar a Conferência: paga R$ 16 para 1 segundo o Odds Shark
Ganhar a divisão: paga R$ 6,50 para 1 segundo o Odds Shark

VAI ATÉ ONDE?

Um fator que pode atrapalhar os Broncos em uma potencial briga por vaga nos playoffs é o de que cinco de seus seis jogos contra oponentes de divisão acontecem apenas depois da Semana 11. Dois contra Kansas City e Los Angeles e um contra Las Vegas.

Com uma defesa renovada e algumas armas ofensivas robustas, os Broncos certamente devem melhorar em relação à campanha do ano passado. O quanto eles melhoraram é a verdadeira questão para este ano. No entanto, se todas as peças se encaixarem e o time manter suas estrelas saudáveis, este certamente pode ser um time de playoffs, dependendo de como o cenário de Wild Card da AFC se desenrolar. Se não, esta equipe quase certamente draftará um novo quarterback no início do Draft de 2022 da NFL.

Prévia do Denver Broncos em 2021: 3º DA AFC WEST (8-9)

    Matheus Puk

    Ex-estudante de jornalismo, Matheus escreve sobre suas maiores paixões: os esportes americanos.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom