Prévia do Cincinnati Bengals na temporada 2021 da NFL

Os Bengals podem surpreender dentro da AFC North em 2021 se o quarterback Joe Burrow ficar saudável


prévia Bengals 2021

O Cincinnati Bengals se reforçou bem na intertemporada e pode surpreender no segundo ano de Jow Burrow no comando do ataque. Até onde podem chegar? Veja a prévia dos Bengals em 2021!

Campanha dos Bengals em 2020: 4-11-1
Principal reforço dos Bengals para 2021: OL Riley Reiff
Principal ausência dos Bengals em 2021: DE Carl Lawson

Prévia do Cincinnati Bengals em 2021: a missão é formar um bom elenco em volta do quarterback Joe Burrow

A principal parte no projeto de reconstrução do Cincinnati Bengals já foi feita: Joe Burrow foi muito bem em sua temporada de calouro e mostrou ter muito potencial para ser o quarterback da franquia por muitos anos. Agora os Bengals precisam focar em montar um elenco em volta de Burrow capaz de competir e ajudá-lo a levar a franquia longe na competitiva AFC North.

Para poder fazer a diferença, o jovem QB precisa ficar saudável em campo. Burrow segue se recuperando da grave lesão no joelho sofrida na última temporada e precisa ser mais protegido se Cincinnati pensa em competir já em 2021. Será que os reforços que chegaram podem dar conta do recado? E a situação da defesa? Veja a prévia do Cincinnati Bengals na temporada 2021 da NFL.

Veja também:

Joe Burrow mostrou potencial, mas precisa de proteção para levar os Bengals a outro patamar

O que Joe Burrow fez em 2020 foi incrível: mostrou maturidade de um veterano e conseguiu produzir muito bem mesmo com uma das piores linhas ofensivas da liga na proteção. Caso volte 100% recuperado do rompimento nos ligamentos do joelho, ele tem tudo para ser um dos principais quarterbacks da liga nos próximos anos.

A tendência é de que ele seja mais protegido – até porque é difícil o setor jogar pior do que na temporada passada. A linha ganhou o importante reforço de Riley Reiff na ponta direita, mas ainda contará com o desenvolvimento de jovens promessas de Drafts anteriores. Penei Sewell foi amplamente vinculado com a equipe antes do Draft 2021, mas a franquia resolveu passar pelo melhor jogador de linha ofensiva do evento e dar mais uma chance a Johan Williams na posição de left tackle.

Ao invés de Sewell, os Bengals optaram por reeditar uma parceria de muito sucesso no College: a franquia selecionou Ja’Marr Chase, em teoria o melhor wide receiver do Draft, para novamente receber passes de Joe Burrow. Aliás, o grupo de recebedores é muito bom: Chase, Tee Higgins e Tyler Boyd prometem infernizar as secundárias – se o QB tiver tempo para lançar, claro. O backfield também está em boas mãos com o dinâmico Joe Mixon carregando o piano.

>>CONHEÇA A HISTÓRIA DO CINCINNATI BENGALS

Apesar dos reforços, a defesa dos Bengals não inspira muita confiança

Se o ataque promete ser bem competente, a defesa de Cincinnati ainda coloca uma grande pulga atrás da orelha dos torcedores. O time se mexeu no mercado e trouxe alguns bons nomes, mas ainda é difícil saber se o grupo ficou melhor do que o ano passado.

Os Bengals pagaram caro no promissor DE Trey Hendrickson, mas viram Carl Lawson assinar com os Jets. Vários veteranos que fizeram sucesso há alguns anos deixaram a equipe: Geno Atkins foi dispensado e Larry Ogunjobi vai tomar o seu lugar. A lógica seguiu na secundária: os titulares William Jackson III e Mackensie Alexander deram lugar a Mike Hilton e Chidobe Awuzie.

Talvez o setor que mais preocupe seja o de linebackers: o grupo foi bem mediano em 2020 e não recebeu atenção na intertemporada. O time contará com a evolução dos jovens Germaine Pratt, Logan Wilson e Akeem Davis-Gaither.

COMO APOSTAR NO CINCINNATI BENGALS EM 2021

Ganhar o Super Bowl: paga R$ 101 para 1 segundo o Odds Shark
Vencer a Conferência: paga R$ 51 para 1 segundo o Odds Shark
Ganhar a divisão: paga R$ 23 para 1 segundo o Odds Shark

VAI ATÉ ONDE?

Se Joe Burrow voltar saudável e a linha ofensiva conseguir protegê-lo, certamente o Cincinnati Bengals terá um ataque top 10 da NFL em 2021. Agora, fica difícil imaginar a franquia vencendo muitos jogos com essa defesa que ainda deixa muito a desejar. Por mais que o futuro seja promissor, o Cincinnati Bengals seguirá na lanterna da competitiva AFC North.

Prévia do Cincinnati Bengals em 2021: 4º da AFC Norte (6-11)

    Matheus Filippi

    Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL, Matheus Filippi é fundador e editor-chefe do Última Jarda

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom