Situação dos QBs nos Patriots: Newton voltou melhor e Jones impressiona

O coordenador ofensivo Josh McDaniels demonstrou confiança nos jogadores durante a intertemporada

Patriots
Cam Newton foi elogiado nos primeiros treinamentos dos Patriots (Reprodução/Patriots.com)

É inegável que o New England Patriots teve vários problemas na peça de QB na temporada 2020, afinal, não é nada fácil a tarefa de substituir a lenda Tom Brady. Cam Newton assumiu o posto do GOAT, mas teve dificuldades na compreensão do playbook e também na execução das jogadas. Segundo Josh McDaniels, a situação da equipe em relação aos quarterbacks está bem mais promissora para 2021.

O coordenador ofensivo da equipe fez questão de ressaltar a melhora de Newton em conversas com a rádio 98.5 e com o jornalista Alex Barth, do The Sports Hub: “Ele certamente voltou este ano em uma posição muito diferente. Ele tem uma compreensão diferente nessa temporada, uma compreensão diferente do playbook”.

Segundo McDaniels, a temporada foi problemática para Newton porque o QB esteve em uma situação única já que não tinha muito contato com o playbook e com as jogadas dos Pats. Com pouco tempo de treino e alvos bem questionáveis, o ex-MVP terminou 2020 com 65.8% de aproveitamento dos passes, 2.657 jardas, oito touchdowns e dez interceptações – com rating de 82.9.

Veja também:

Mac Jones está impressionando nos Patriots

O coordenador também comentou sobre a escolha de Draft número 15 – a mais alta em um quarterback nas duas décadas da ‘era Bill Belichick’. Mac Jones faz sua primeira série de treinamentos com os Pats e já impactou positivamente. Para McDaniels o jogador tem duas características importantes para a posição: presença e comando.

Jones jogou pela Universidade de Alabama e esteve em grandes jogos no universitário. Nas 3 temporadas que esteve em Alabama, ele teve 6.126 jardas, 56 touchdowns e sete interceptações. Jarrett Stidham e Brian Hoyer ainda não se juntaram ao grupo de quarterbacks. Segundo Bill Belichick, os dois veteranos e Jones devem lutar pela posição de reserva – com Cam Newton titular.

    Pedro Vinicius

    Formado em jornalismo e fanático por esportes, acompanha a NFL desde 2015

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom