Colts vencem os Packers em duelo emocionante decidido na prorrogação

A promessa de um duelo espetacular se concretizou na noite deste domingo (22): Green Bay Packers x Indianapolis foi um dos confrontos mais emocionantes e disputados da temporada 2020. Após sair perdendo por 14 pontos, os Colts mostraram um poder de reação incrível mais uma vez e foram buscar a vitória por 34 a 31 no Lucas Oil Stadium – com um chute certeiro de Rodrigo Blankenship na prorrogação. Possivelmente o melhor embate da semana 11 da NFL em Indiana.

Após uma primeira etapa bem ruim, a ótima defesa dos Colts apareceu e permitiu apenas três pontos até o fim da partida. Ao todo, foram quatro turnovers forçados! Como adiantamos na prévia da partida, Indy teve muito sucesso correndo com a bola: foram 140 no total. Mesmo sem ser brilhante, Philip Rivers foi bem e deu conta do recado: 288 jardas, três TDs e uma interceptação.

Do outro lado, fica a decepção de ter o jogo nas mãos algumas vezes, mas acabar morrendo na praia. A defesa não conseguiu segurar a vantagem de 14 pontos e o ataque deu vários ‘tiros no pé’ – especialmente um fumble na primeira campanha da prorrogação. A derrota não deve tirar o brilho de mais uma grande atuação de Aaron Rodgers: foram 27 de 38 passes completados para 311 jardas, três touchdowns e uma interceptação. O camisa 12 também foi genial no drive que levou o duelo para o tempo extra no último minuto.

Como fica?

Com a vitória, os Colts voltam a assumir a ponta da AFC South com 7-3. Já os Packers estacionam em 7-3, mas permanecem na liderança da NFC South.

Veja também:

Packers dominam e abrem vantagem na 1ª etapa

O primeiro quarto do duelo foi simplesmente insano – uma mostra do que viria pela frente ao longo do duelo. Foram três turnovers nos primeiros 15 minutos – dois dos Packers e um dos Colts. Após um fumble de cada lado no início do duelo, Green Bay abriu o placar com uma linda conexão para o touchown de Tonyan. Philip Rivers respondeu logo em seguida cum um TD de 45 jardas para Michael Pittman. Aaron Rodgers ainda lançou uma interceptação, mas Indy não conseguiu capitalizar. 7 a 7 em Indiana.

Após um início ruim, com dois turnovers, o ataque dos Packers dominou a melhor defesa da liga: foram 21 pontos anotados no segundo período! A dupla de ‘Aarons’ estava pegando fogo: o RB Jones anotou um TD terrestre e o QB Rodgers lançou mais dois touchdowns – conexões com Jamal Williams e Davante Adams. Mesmo atordoado, os Colts descontaram com um touchdwn – passe de Rivers para o TE Trey Burton. Dominante, Green Bay foi para o intervalo no Lucas Oil Stadium vencendo por 28 a 17.


Confira aqui todos os resultados da semana 11


Colts arquitetam grande virada, mas Rodgers consegue levar o duelo para a prorrogação

Os Colts voltaram com uma atitude totalmente diferente na segunda etapa e viraram totalmente os rumos da partida. Após um primeiro tempo apagado, Indy foi o senhor do terceiro período: a boa defesa não cedeu nenhum ponto e o ataque anotou 13 consecutivos – dois field goals de Rodrigo Blankenship e um touchdown na conexão com Jack Doyle. Tudo igual em Indiana: 28 a 28!

Indianapolis continuou amassando e logo assumiu a ponta no começo do último período – transformando um fumble em field goal de Blankenship. Green Bay teve a grande chance de chutar o field goal do empate, mas a defesa dos Colts apareceu e forçou o turnovers on downs!

Indy não conseguiu gastar o relógio, com muitas faltas bobas, e a bola acabou voltando para as mãos dos Packers a 1:25 do fim. quantas vezes já não vimos este filme? Aaron Rodgers foi genial: posicionou Mason Crosby para o field goal do empate praticamente no estouro do cronômetro. Prorrogação em Green Bay!

Packers cometem erro fatal na prorrogação e Colts não perdoam

Green Bay ganhou o cara ou coroa e tinha tudo para ganhar o jogo, mas acabou cometendo um erro fatal: Marquez Valdez-Scantling cometeu fumble logo no segundo snap da campanha. Em ótima posição de campo, Indy não perdoou: Blankenship colocou a tentativa de 39 jardas no meio do “Y” e garantiu a vitória incrível dos Colts diante do forte rival!

    Matheus Filippi

    Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL, Matheus Filippi é fundador e editor-chefe do Última Jarda

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom