Lamar fora do pódio e Mahomes no topo: refizemos o top 10 dos 100 melhores da NFL

Na geração das rede sociais e da necessidade de opinar, os rankings tornaram-se cada vez mais frequentes e polêmicos. Embora muitos deles tragam pensamentos particulares e sejam, de certa forma, irrelevantes, o NFL Top 100 é diferente.

Divulgada na última semana, a lista com os 100 melhores jogadores da NFL é estabelecida por meio de uma votação entre os próprios atletas da liga. A relação deste ano trouxe Lamar Jackson, quarterback do Baltimore Ravens, no topo e causou um furor no mundo da bola oval.

Veja também:

Como dissemos aqui, Tom Brady, agora no Tampa Bay Buccanners, amargou seu pior ranking da carreira (14), enquanto o atual campeão Patrick Mahomes ficou “apenas” na quarta posição. Pensando nessas divergências, o Endzone Brasil resolveu reorganizar os 10 melhores jogadores do NFL Top 100 de 2020.

10º – Stephon Gilmore (New England Patriots)

A defesa do New England Patriots terminou 2019 como a que menos cedeu pontos, jardas, first downs e touchdowns aos adversários. Claro que o fato de Bill Belichick assumir a coordenação da unidade ajudou muito, mas Stephon Gilmore foi o principal fator para este sucesso. O cornerback liderou a liga em interceptações (6) e passes desviados (20).

Em um ano que o ataque de New England esteve bem abaixo, Gilmore foi responsável por comandar a unidade que carregou a equipe na temporada. Os Patriots foram surpreendidos e acabaram eliminados pelo Tennessee Titans no Divisional Round, mas Gilmore viveu o melhor ano de sua carreira e foi o eleito o Melhor Jogador Defensivo do Ano.

9º – Derrick Henry (Tennessee Titans)

À frente de Gilmore está justamente o carrasco dos Patriots nos playoffs: Derrick Henry. O “avatar” foi o ponto alto do renovado ataque do Tennessee Titans, foram 303 corridas, 1540 jardas e 16 touchdowns terrestres – melhore marcas da NFL.

Não bastasse o desempenho na temporada regular, Henry foi ainda mais absurdo na pós-temporada. O running back dos Titans atropelou duas das principais defesas da liga (Patriots e Ravens) com 64 corridas, 377 jardas terrestres e 1 touchdown.

8º – George Kittle (San Francisco 49ers)

George Kittle é um fenômeno. Em seu terceiro ano na liga, o camisa 85 é um dos principais jogadores do San Francisco 49ers e já assumiu o posto de melhor tight end da NFL – sim, mesmo com o retorno surpreendente de Rob Gronkowski.

Em 2019, Kittle anotou 85 recepções, 1053 jardas, e 5 touchdowns, mas seu jogo vai além de receber passes. Peça fundamental para o esquema de Kyle Shanahan, George Kittle é igualmente eficiente bloqueando, facilitando o trabalho da OL em proteger Garoppolo e abrir espaço para o jogo terrestre.

7º – DeAndre Hopkins (Arizona Cardinals)

A decisão de Bill O’Brien em abrir mão de DeAndre Hopkins já é uma das maiores contradições recentes da NFL. O camisa 10 terminou a última temporada no Houston Texans com 104 recepções, 1165 jardas aéreas e 7 touchdowns. A expectativa era que seu entrosamento com Deshaun Watson crescesse ainda mais para 2020, mas agora será Kyler Murray quem se aproveitará disso.

Antes da temporada surreal de Michael Thomas, Hopkins era considerado o melhor wide receiver da NFL. Sob a mente ofensiva de Kliff Kingsbury e ao lado da lenda Larry Fitzgerald, DeAndre Hopkins tem potencial para causar ainda mais estrago com a camisa dos Cardinals.

6º – Christian McCaffrey (Carolina Panthers)

Luke Kuechly se aposentou, Cam Newton foi dispensado e o posto de estrela do Carolina Panthers agora pertence a Christian McCaffrey. CMC teve uma temporada estrondosa e chegou a ser cotado para MVP da NFL, mesmo com sua equipe terminando na última posição da NFC Sul.

Recentemente confirmado como membro do 99 Club do Madden NFL 2020, McCaffrey terminou a temporada passada com 2392 jardas de scrimmage – 1387 terrestres e 1005 aéreas – terceira melhor marca da história da liga. Ele ainda liderou a NFL em touchdowns totais e ações ofensivas (corridas + recepções), 19 e 403, respectivamente.

5º – Michael Thomas (New Orleans Saints)

É até difícil descrever o que foi a temporada de Michael Thomas. Com Drew Brees ou Teddy Bridgewater, não importa, Thomas agarrou tudo que veio pela frente e roubou o posto de melhor wide receiver da NFL. Em 2019, o camisa 13 acumulou 149 recepções e quebrou o recorde de Marvin Harrison (143), estabelecido a lado de Peyton Manning em 2002.

O recebedor do New Orlenas Saints também terminou o ano liderando a NFL em jardas aéreas, foram 1725 para ele. Michael Thomas pode não ser o mais rápido, o mais acrobata, o mais atlético, mas ele é, definitivamente, o recebedor mais confiável e eficiente da liga.

4º – Lamar Jackson (Baltimore Ravens)

Apenas dois jogadores foram eleitos MVP da NFL de forma unânime: Tom Brady (2010) e Lamar Jackson (2019). Em seu primeiro ano como titular, o quarterback do Baltimore Ravens demoliu adversários e recordes que vieram pela frente.

Ele foi além de “apenas” comprovar sua capacidade terrestre, ao quebrar o recorde de mais jardas corridas por um quarterback na NFL, com 1206 – Michael Vick anotou 1039 em 2006. Lamar demonstrou que sabe sim lançar uma bola de futebol americano e liderou a liga em passes para touchdown, com 36.

A expectativa é que ele seja ainda mais letal em 2020, mas isso não quer dizer que ele já assumiu o posto de melhor quarterback da NFL, pelo menos não ainda.

3º – Aaron Donald (Los Angeles Rams)

Antes de voltarmos aos quarterbacks, Aaron Donald é tão gigantesco que sua intromissão nesta briga se faz necessária. Está certo que ele terminou 2019 com “somente” 12,5 sacks, oito a menos do que no ano anterior, quando liderou a liga no quesito, mas isso não quer dizer que seu rendimento caiu.

Em 2019, Aaron Donald foi o jogador de interior de linha defensiva que mais enfrentou bloqueios duplos por parte da OL adversária, foram 319 vezes. Mesmo sendo o DL mais exigido, Donald conseguiu ser também o mais eficiente nesta circunstância, com um percentual de 18,2%. Aaron Donald segue sendo o melhor defensor e o melhor jogador “não-quarterback” da NFL.

2º – Russell Wilson (Seattle Seahawks)

Russell Wilson foi o MVP da NFL até metade da última temporada, aí Lamar Jackson “pegou a estrelinha” do Mario Bros e acabou com a brincadeira. Até a décima semana da temporada regular, RW3 tinha 22 touchdowns e apenas 1 interceptação, que só aconteceu no sétimo jogo do ano.

Assim como Lamar Jackson, Russell Wilson foi rotulado como um “running back que lança” no começo de sua carreira. Porém, o camisa 3 mostrou que sua agilidade é uma virtude, não um ponto fraco. Com seu jogo cada vez mais afinado, Wilson é o segundo melhor jogador da NFL, o primeiro antes daquele quem parece ser um extraterrestre.

1º – Patrick Mahomes (Kansas City Chiefs)

Patrick Mahomes não é o melhor quarterback da história da NFL e isso é um fato. Porém, em uma liga dominada por nomes como Tom Brady, Peyton Manning, Joe Montana e outros tantos jogadores históricos, Mahomes apresenta credenciais que nos fazem acreditar – pelo menos até agora – que ele pode escalar esse monte e fincar sua bandeira no topo.

Único quarterback a ser eleito MVP da NFL e do Super Bowl antes de completar 25 anos de idade, Mahomes já tem uma lista extensa de recordes, o último deles, inclusive, veio fora do campo. No começo de julho, Mahomes renovou com os Chiefs e recebeu o maior contrato da história de todos os esportes.

De uma forma até inexplicável, Patrick Mahomes alia agilidade, eficiência e plasticidade em um jogo que parece “fácil”. A forma como executa seus movimentos transmite a sensação de que ele não se esforça para aquilo – somente a sensação, não confundam. Mahomes está no topo da NFL atualmente e não será fácil tirá-lo de lá, principalmente depois de ver sua posição no último NFL Top 100. Não sei vocês, mas eu não gostaria de estar no caderninho dele…

    Andrei Zacharkow Paternostro

    Jornalista com passagem pela ESPN Brasil e apaixonado por futebol americano, Andrei Paternostro é repórter do Endzone Brasil

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom