Seahawks vencem os Vikings em Seattle e se aproximam de uma vaga de Wild Card

Antes da temporada começar, muitos analistas descartavam um ano de sucesso do Seattle Seahawks, afinal, o time perdeu várias peças importantes na última intertemporada e passava por uma grande reformulação – principalmente na defesa. Não é que o time de Pete Carroll deu liga antes do que se esperava! Em uma grande atuação defensiva, o time venceu o Minnesota Vikings por 21 a 07 no CenturyLink Field e deu um passo importantíssimo na classificação aos playoffs – batendo um concorrente direto pelas vagas de Wild Card. O Monday Night Football fechou com chave de ouro a semana 14 da NFL nesta segunda-feira (10).

É incrível pensar que uma equipe venceu a outra por 14 pontos de diferença sendo que computou apenas 60 jardas aéreas ao longo do jogo. Como explicar isso? Uma atuação espetacular da defesa! Olha a “Legion of Boom” parte 2 chegando! O grupo fez um trabalho magnífico contra Kirk Cousins e companhia e manteve os Vikes zerados até um minuto do fim – levando um TD no famoso ‘garbage time’. 

A vitória leva os Seahawks a 8-5 e deixa o time muito próximo de uma das vagas de Wild Card da NFC. Já os Vikings, apesar do revés, seguem com a outra vaga da repescagem por ter ‘meia vitória’ na frente dos demais concorrentes com 6-7.

Seattle na frente em 1º tempo truncado

Tudo bem que a expectativa já era de um duelo de predomínio defensivo, mas os dois times foram além: apenas três pontinhos na primeira etapa! Esse foi o menor placar em um Monday Night Football desde um Ravens e Browns em 2009. Para se ter uma ideia, veja o desempenho dos QBs na primeira metade de partida: Kirk Cousins computou 27 jardas e Russell Wilson 44!

Os Seahawks foram para o intervalo na frente do placar apenas por um diferencial: o jogo corrido. O bom trio de RBs conseguiu bons avanços e posicionou Janikowski para um field goal de 37 jardas. Wilson chegou novamente próximo da end zone minutos depois, mas lançou uma interceptação na tentativa de ‘jogar a bola fora’. No fim das contas, os Seahawks foram para os vestiários vencendo por 3 a 0.

Defesa dos Seahawks garante a vitória

Após uma primeira etapa simplesmente lamentável, o ataque dos Vikings deu algum sinal de vida no terceiro período, entretanto, falhou nos momentos cruciais: foram dois turnovers on downs em conversões erradas de quarta descida. Seattle aproveitou uma delas e avançou o suficiente para chutar mais um field goal com Janikowski: 6 a 0 no fim do pimeiro quarto.

Minnesota até teve uma chance de chutar um field goal no começo do último quarto e, pelo menos, sair do zero, entretanto, a noite não era mesmo dos Vikings: Bobby Wagner bloqueou o field goal! Já com uma mão na vitória, os Seahawks finalmente desencantaram nos três minutos finais com dois touchdowns: uma corrida de Chris Carson e um TD defensivo de Justin Coleman – após retornar um fumble forçado em Cousins. Minnesota até marcou um TD no ‘garbage time’, mas nada que mudasse o preço do dólar. Grande vitória dos Seahawks em Seattle!

    Matheus Filippi

    Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL, Matheus Filippi é fundador e editor-chefe do Última Jarda

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom