Prévia da temporada 2014 – New Orleans Saints

Confira o que esperar do New Orleans Saints na temporada 2014

Draft
Brandin Cooks – WR
Stanley Jean-Baptiste – CB
Khairi Fortt – LB
Vinnie Sunseri – SS
Ronald Powell – LB
Tavon Rooks – OL
Estatísticas em 2013 (Média por jogo)
Jardas aéreas 307.4 (2º)
Jardas terrestres   92.1 (25º)
Jardas aéreas cedidas 194.1 (2º)
Jardas terrestres cedidas 111.6 (19º)
Líderes
Passe Drew Brees – 5162 jardas
Jogo corrido Pierre Thomas – 549 jardas
Jogo aéreo Jimmy Graham – 1215 jardas

Vencer fora de casa. Essa é a principal meta do New Orleans Saints para a temporada que se aproxima. O time foi espetacular no Superdome, venceu todos os jogos por lá, mas sofreu demais longe de seus domínios: cinco derrotas em oito partidas. O treinador Sean Payton já declarou que conseguir vitórias longe de New Orleans é o seu principal objetivo em 2014, está até treinando com barulho de torcida ao fundo. A estratégia é se classificar aos playoffs como um dos primeiros da NFC, para decidir onde é praticamente imbatível.

Brees na vitória do duelo de Wild Card em 2013

Muita dessa dificuldade cai nos ombros de Drew Brees, o desempenho do quarterback despenca quando atua em estádios abertos. Não que ele não faça bons jogos, apenas não é espetacular igual quando atua no Superdome. No auge da forma e com o ataque em suas mãos, Brees tem tudo para fazer história em 2014. O camisa 9 lançou pelo menos 30 TDs e 4 mil jardas nos últimos seis anos, passou das 5 mil nas últimas três temporadas.

Ele reclamou demais da saída de Darren Sproles, mas recebeu um atleta ainda mais dinâmico: o WR calouro Brandin Cooks. Ele deve ter certa liberdade, pois as defesas estarão apavoradas tentando marcar o fantástico Jimmy Graham e Marques Colston. O jogo corrido também melhorou, a eterna promessa Mark Ingram parece finalmente ter aparecido para a NFL: teve uma média de 7,1 jardas nas 21 carregadas na pré-temporada. Khiry Robinson e Pierre Thomas vão ajudar Ingram a carregar o piano. A linha ofensiva segue sólida, com apenas uma mudança na posição de center do grupo do ano passado.

A defesa dos Saints foi uma das gratas surpresas no ano passado, Rob Ryan transformou o pior grupo em 2012 no quarto melhor de 2013. O jovem e talentoso grupo segue praticamente o mesmo: Cameron Jordan e Akien Hicks com muita pressão dos lados da linha, Junior Galette no lado de fora da linha de LBs, com Curtis Lofton segurando a bronca pelo meio.

A secundária que já era boa recebeu um dos melhores jogadores do último período free agency, o safety Jairus Bird. Ele fará dupla com o promissor Kenny Vaccaro, com os consistentes Keenan Lewis e Patrick Robinson nas pontas. Esse grupo saudável tem talento e respaldo técnico para figurar entre os três melhores da liga.

Previsão Endzone Brasil: O New Orleans Saints é o meu palpite para vencer a NFC na próxima temporada. É o time mais equilibrado da liga, não tem nenhum ponto fraco. Se não acontecer uma tragédia, a equipe deve se classificar aos playoffs. O desempenho do time na pós-temporada vai depender um pouco da capacidade do time em vencer fora de seus domínios. Se os Saints tiverem os mandos de campo nos playoffs, a possibilidade to time estar no  Super Bowl em fevereiro é muito grande.

    Matheus Filippi

    Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL, Matheus Filippi é fundador e editor-chefe do Última Jarda

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Odds Shark Ad Bottom