Niners passam pelos Packers no congelado Lambeau Field

Kepernick brilha mais uma vez
diante do Green Bay Packers (49ers.com)

Seja na ensolarada San Francisco ou na gélida Green Bay, o quarterback Colin Kaepernick sempre dá um jeito de ser decisivo quando enfrenta o Green Bay Packers. Mais uma vez o carrasco brilhou e garantiu a vitória apertada do San Francisco 49ers por 23 a 20, com direito a field goal da vitória nos segundos finais. Kaep teve 270 jardas aéreas e 97 terrestres no duelo de Wild Card deste domingo (5) no congelado Lambeau Field. Sensação amarga para os Packers, que ressurgiram das cinzas após o retorno de Aaron Rodgers e conseguiram a classificação para a pós-temporada. De longe o time mais prejudicado com contusões, são 16 atletas somente no injury reserve, Green Bay fez uma campanha digna do seu apaixonado torcedor.

Apesar da sensação térmica de -23ºC favorável ao time da casa, foi San Francisco que comandou as ações no primeiro período, o time da Califórnia teve 10:25 de posse de bola no primeiro quarto de jogo. Mesmo em um clima difícil de lançar a bola, Colin Kaepernick tinha sucesso em achar seus recebedores, principalmente Michael Crabtree. O time visitante teve duas boas campanhas, que se transformaram em field goals curtos convertidos com sucesso pelo kicker Phil Dawson.

Como já era esperado, Aaron Rodgers sofria com a pressão dos defensores dos Niners. Além da linha ofensiva dos Packers não ser das melhores, A-Rod na esperança de encontrar alguém livre segurava demais a bola. O jogo terrestre de Green Bay também não funcionava, não foi surpresa o time terminar o primeiro quarto sem um first down sequer.

Frank Gore se esforça em campo (49ers.com)

Cenário que mudou totalmente no segundo período, como um turnover pode alterar drasticamente o rumo de uma partida. Kaepernick lançou um passe para Vernon Davis, mas antes de chegar no TE a bola foi interceptada pelo CB Tramon Williams. Empolgado com a roubada de bola, o ataque dos Packers começou a funcionar, Rodgers aos poucos encontrava seus bons alvos. A campanha teve 14 jogadas e mais de sete minutos, terminou com uma recepção para touchdown espetacular de Jordy Nelson em passe preciso de A-Rod.

O quarterback dos Niners se redimiu logo em seguida, teve uma ótima corrida de 42 jardas e deixou San Francisco em uma boa posição para anotar pontos. Foi exatamente o que aconteceu, Frank Gore anotou o primeiro TD dos visitantes em um avanço de 10 jardas e colocou os Niners mais uma vez na liderança do placar. Green Bay ainda teve tempo de chutar um field goal, esse de 34 jardas, indo para os vestiários perdendo por 13 a 10.

O duelo no frio intenso de Green Bay caiu muito de rendimento no começo do segundo tempo, foram cinco punts seguidos. As defesas levavam plena vantagem sobre os ataques principalmente nas trincheiras, os cinco sacks sofridos pelos quarterbacks praticamente matavam qualquer chance dos times pontuarem.

Aos poucos o ataque dos Packers foi pegando ritmo, principalmente porque o jogo terrestre de Green Bay começou a funcionar. Eddie Lacy e James Starks castigavam a defesa dos Niners pelo chão e facilitavam a vida de A-Rod. Depois de Rodgers acertar uma conexão de 26 jardas para Randall Cobb em uma quarta descida, lance muito parecido com o milagre em Chicago na semana passada, o fullback John Kuhn mergulhou dentro da endzone, para delírio do congelado torcedor presente no Lambeau Field.

Kaepernick respondeu logo em seguida, como o quarterback joga bem contra os Packers. Após uma boa corrida de 24 jardas, ele acertou um maravilhoso passe longo para Vernon Davis. O tight end realmente é monstruoso nos playoffs. Ele recebeu de forma magnífica e anotou o touchdown que devolveu a liderança aos Niners.

Os Packers precisavam de um field goal pelo menos para empatar o duelo, foi exatamente o que aconteceu. Com boas conexões de Rodgers para Cobb, Green Bay avançou o suficiente para converter um chute de 24 jardas e deixar tudo igual em Wisconsin.

San Francisco tinha cinco minutos para pontuar e vencer o gelado duelo. Assim como os Saints fizeram contra os Eagles no primeiro jogo de Wild Card da NFC, os Niners controlaram o relógio com corridas e aos poucos posicionaram Dawson para chutar um field goal de 32 jardas. O kicker converteu o chute e manteve os 49ers vivos na difícil tarefa de voltar ao Super Bowl depois do quase do ano anterior. 

Agora o próximo desafio de San Francisco será derrotar os Panthers, em Charlotte, no duelo que acontece no próximo domingo (12) às 16h no Bank of America Stadium . 
 

Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL,  
Matheus Filippi é editor do @NFLBrasil.
    

    Última Jarda

    Time Última Jarda - as principais notícias do mundo da NFL estão aqui!

    5 thoughts on “Niners passam pelos Packers no congelado Lambeau Field

    • 6 janeiro, 2014 em 6:18
      Permalink

      O tanto que o Denver Bronca gastou de jogo na temporada regular, os 49ers esconderam. O que o Kaepernick e o Crabtree jogam na pós-temporada é de outro mundo…
      O que será que o Ron Rivera irá armar para ganhar dos caras?

      Resposta

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Odds Shark Ad Bottom