Com show de Manning, Broncos batem os Patriots e estão no Super Bowl

Manning comandou o ataque dos Broncos
na vitória sobre os Patriots (Twitter Broncos)
O Denver Broncos vai representar a AFC no Super Bowl 48, daqui a dois finais de semana, no MetLife Stadium, em New Jersey. Melhor time da conferência americana na temporada regular, os Broncos derrotaram o New England Patriots por 26 a 16, no Sports Authority Field at Mile High, em Denver.

Destaque do time dos Broncos, o QB Peyton Manning espantou a fama de amarelão e comandou o time brilhantemente, terminando o jogo com 24 de 38 para 400 jardase dois touchdowns.

Empurrada pela torcida que lotou o Mile High, a defesa dos Broncos começou o jogo dominando o ataque adversário, não cedendo nenhuma primeira descida nas duas primeira campanhas. Já os Broncos conseguiram tirar o primeiro zero do placar com um FG de Matt Prater já no final do primeiro quarto.

Depois de mais um punt dos Patriots, Peyton Manning comandou uma campanha de 15 jogadas, 93 jardas e mais de sete minutos. Distribuindo muito bem o jogo, o QB achou o TE Jacob Tamme na endzone e colocou os Broncos com 10 a 0 no placar.

Precisando de uma resposta rápida, Brady liderou o ataque dos Patriots em bons avanços, mas foi sacado em uma tentativa de terceira descida e o time de New England deixou o campo com um FG de 47 jardas de Stephen Gostkoski.

Ainda antes do intervalo, os Broncos anotaram mais um FG com Matt Prater e foi para o intervalo com a diferença em 35 jardas.

Com a primeira posse após o halftime, Peyton Manning comandou outra campanha de mais de sete minutos que terminou na endzone dos Pats. Com grandes conexões com Demaryius Thomas, o QB dos Broncos terminou o drive encontrando o recebedor endzone e colocando Denver com 20 a 03.

A reação dos Patriots começou no último período. Convertendo uma quarta para três jardas, Brady conectou seu primeiro touchdown da tarde em Denver com Julian Edelman, colocando o placar em 23 a 10.

Mas na campanha seguinte, Matt Prater acertou seu quarto field goal no jogo, desta feita de 54 jardas, para deixar a diferença em 16 pontos – dois touchdowns e duas conversões de dois pontos com menos de sete minutos para Brady tentar uma reação. Essa reação que teve seu primeiro sucesso após um TD corrido de Tom Brady, mas na conversão de dois pontos, Shane Vereen não entrou na endzone e a diferença ficou em dez pontos: 26 a 16 Broncos.

Precisando de pontos, os Patriots arriscaram um onside kick, mas a bola caiu nas mãos de Eric Decker, que segurou a vitória dos Broncos por 26 a 16.

Belorizontino de nascimento, jornalista por opção
e fã da NFL, Rafael Araújo é o criador do @NFLBrasil.

  

    Última Jarda

    Time Última Jarda - as principais notícias do mundo da NFL estão aqui!

    11 thoughts on “Com show de Manning, Broncos batem os Patriots e estão no Super Bowl

    • 20 janeiro, 2014 em 3:04
      Permalink

      Para o bem do futebol americano, o Super Bowl será Broncos x Seahawks! Melhor ataque contra a melhor defesa, tira-teima definitivo!
      Favoritismo inexiste.

      Se os Patinhas não contratarem/draftarem pelo menos 1 TE e 1 WR (alto) de peso para temporada que vem, não chegam na final da AFC.

      Resposta
      • 20 janeiro, 2014 em 10:48
        Permalink

        ouvi isso esse ano…e tirando o jogo contra o broncos foi PAU em cima de todos os outros uahahahah

        Resposta
      • 20 janeiro, 2014 em 17:22
        Permalink

        Na offseason perdemos quase todas as peças importantes do ataque, o nosso principal recebedor jogou só um pedaço da temporada e se contundiu novamente. Logo no início da temporada, perdemos o capitão da defesa e uma das principais peças da nossa secundária e muitos outros foram despachados para a I. R., mesmo assim, Bill Belichick conseguiu construir um ataque que calou a boca de muitos especialistas que falavam em um temporada mediana dos Patriots e que não apostavam que eles chegariam nem no Divisional Round! Tom comandou um ataque fortíssimo, que era um dos melhores da liga, mesmo sem nenhum grande nome e chegou (mais uma vez) à Final de Conferência! Agora, mais do que nunca, acredito no poder desse técnico, que levou um time com jogadores novos e sem muita habilidade, à final de conferência! Independente se “draftarmos” WRs ou TEs bons, garanto que o time do ano que vem será mais forte do que o desse ano, com a volta do Wilfork, Mayo, Vollmer e Grokowski e as possíveis contratações, principalmente para melhorar a linha ofensiva, melhorando a proteção à Brady, que foi “sackado” inúmeras vezes esse ano e possíveis contratações de TEs e WRs e talvez boas peças para melhorar a secundária, os Patriots tem tudo para voltar com muita força para o ano que vem!

        P.S.: Não sei qual é o seu time, mas por favor, não ofenda o meu. Os Broncos ganharam merecidamente, pois jogaram muito melhor, mesmo assim o trabalho feito pela comissão técnica dos Patriots para leva-los a mais uma final de conferência foi incrível! Honestamente: acho que o respeito entre as torcidas é sempre fundamental em todos os esporte e não acho que seja necessário desmerecer a imagem do meu time, chamando ele de “Patinha” para elevar a moral do seu. Não sei para quem você torce, espero que seja um dos que foi para o Superbowl, mesmo assim, não acho que seja nescessário desmerecer o time dos outros!

        Resposta
    • 20 janeiro, 2014 em 10:41
      Permalink

      Engraçado como as Bradyzetes somem nessas horas…. kkkkkkkk

      Resposta
    • 20 janeiro, 2014 em 10:47
      Permalink

      engraçado como sempre vem uns frustrados, torcedores de times de menor expressão querer falar quando um GIGANTE cai !

      Resposta
    • 21 janeiro, 2014 em 0:08
      Permalink

      No início dos anos 2000 achei que um time poderia quebrar o que de mais barato ocorre na NFL: a imprevisibilidade e a igualdade entre os times. Os “Patriotas da Nova Inglaterra” encabeçados pelo jovem Tom Brady estraçalhavam a frágil AFC e se tornavam sempre favoritos contra as pedreiras que vinham da NFC p/ o SB.
      O time da moda ajudou a popularizar a NFL aqui no Brasil. Talvez esse seja o grande legado de Brady e cia.
      Mas falo isso porque com essa derrota de ontem, terminou um ciclo para o time de Foxborough.
      Tirando o Belichick, o time não mostra mais nada de novo. Como o colega disse acima, se não conseguir um bom TE ou WR, eles deixarão de ser temidos dentro da NFL. O que pode dar ainda alguma sobrevida é que a AFC East é muito fraca e eles sempre poderão estar nos playoffs com conjuntos duvidosos.

      Resposta
      • 21 janeiro, 2014 em 10:33
        Permalink

        Muito bom Luciano Filho… muito bom!
        Falo isso pra todos os torcedores dos Pats que eu conheço, a dinastia Brady / Belichick tá com os dias contados… a NFL sempre foi assim, cíclica. Como foi com Cowboys e Bills na década de 90, Steelers e Bears em 70 e 80.
        Mas como você disse, a divisão deles é triste, então provavelmente enquanto Brady estiver em Foxboro veremos eles nos playoffs mesmo com um time não muito bom, assim como acontecia com o Peyton Manning nos Colts onde foi pra 11 playoffs seguidos naquela AFC South fraquíssima da época.
        Esse ano achei que os Dolphins iriam papar a divisão, mas o problema lá é bem mais sério do que falta de elenco… Jets e Bills são ridículos! Vamos continuar vendo Brady Boy chegar aos playoffs… Mas o domínio de outrora já acabou.

        Resposta
      • 22 janeiro, 2014 em 0:18
        Permalink

        Valeu pelo complemento. E a NFL tem que ser assim, cíclica e imprevisível. Endinheirada sempre, mas com um campo gravitacional que puxa para baixo quem tenta dar um salto muito alto acima dos demais. Torço para que outros times apareçam com mais força em playoffs e até levem o Vince p/ casa. Vejo times competitivos e de estrutura como o Seahawks, Saints e Bengals fortes para muitos anos na NFL. E quem sabe uns grandes possam retornar como o meu Cowboys, Bears e até os Redskins, porque não?

        Resposta
    • 22 janeiro, 2014 em 10:10
      Permalink

      kkkkkk Torço pros Cowboys também velho!

      Tá feia a coisa pro nosso lado, mas voltaremos logo ao topo, você vai ver… Cowboys sempre!

      Resposta

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Odds Shark Ad Bottom