Com atuação brilhante da defesa, Niners massacram os Texans

RB Frank Gore após anotar o touchdown (Site oficial/Niners)
 O que o San Francisco 49ers fez com o Houston Texans no Candlestick Park deveria ser proibido por lei nos Estados Unidos. Muito superior em todos os aspectos de um jogo de futebol americano, os Niners atropelaram os Texans e venceram o Sunday Night do último domingo (6) por 34 a 3. Houston, we “really” have a problem!
Realmente a fase do QB Matt Schaub não é nada boa, logo na primeira campanha da noite ele mostrou porque há rumores de uma possível troca na posição de quarterback em Houston. Schaub foi interceptado logo no seu primeiro passe tentado, o CB Tramaine Brock retornou por 18 jardas e anotou o primeiro TD da partida.
Com o passar do tempo, o domínio dos 49ers foi ficando mais claro, mais eficiente dos dois lados da bola oval. Os Niners venciam principalmente as batalhas nas trincheiras, a linha ofensiva fazia um excelente trabalho abrindo espaços para o jogo corrido. Foi pelo chão que San Francisco ampliou a vantagem, o time anotou dois touchdowns em avanços curtos de seus running backs Frank Gore e Anthony Dixon. Os Niners fecharam o primeiro tempo com 90 jardas terrestres e seis jogadores diferentes correndo com a bola.
Tramaine Brock após interceptar Schaub (site oficial/Niners)
Houston definitivamente estava com problemas (Há!), o jogo terrestre até estava funcionando, mas Matt Schaub não estava em uma noite feliz. Dominado pela secundária dos Niners, ele terminou a primeira etapa com pouco mais de 100 jardas aéreas, nenhum TD e duas interceptações, as duas feitas por Brock. Sobrando em campo, San Francisco foi para o intervalo vencendo por 21 a 0. 

O massacre continuou na segunda metade da partida, os Texans simplesmente não conseguiam chegar próximos da endzone adversária! Na única vez que entrou na redzone, não pontuou. Mesmo com um desempenho ofensivo medonho, Houston tirou o 0 do placar com um field goal de 41 jardas do kicker Randy Bullock.

Três pontos que não adiantaram absolutamente nada, a superioridade de San Francisco era algo impressionante. Além de marcar um field goal no final do terceiro quarto, o time ampliou ainda mais a vantagem em um lindo TD de 65 jardas na conexão de Colin Kaepernick com o TE Vernon Davis.

A derrota era tão eminente que o técnico Gary Kubiak colocou T.J. Yates como QB titular no último período. O jogo terrestre dos Niners estava tão dominante que o quarterback Colin Kaepernick pouco fez na partida, apenas seis passes completados de 15 tentados e um TD. Um field goal de 24 jardas anotado por Phil Dawson deu números finais ao atropelamento.
As duas equipes voltam a campo no próximo domingo (13): San Francisco faz em casa o duelo de divisão contra o Arizona Cardinals, os Texans recebem os Rams em Houston.

Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL,  
Matheus Filippi é editor do @NFLBrasil.
    

    Última Jarda

    Time Última Jarda - as principais notícias do mundo da NFL estão aqui!

    One thought on “Com atuação brilhante da defesa, Niners massacram os Texans

    • 8 outubro, 2013 em 19:22
      Permalink

      Uma carreta atropelando um Fusca!!! Eis o que vimos…

      Resposta

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Odds Shark Ad Bottom