Prévia da temporada 2013: San Diego Chargers

Estádio: Qualcomm Stadium

Dono: Alex Spanos

Títulos de Super Bowl: Nenhum

Posição em 2011: (7 – 9) Segundo colocado na AFC West

Técnico: Mike McCoy

A estrela: Antônio Gates

Quem pode surpreender: Ryan Mathews

Draft 2013:
D.J. Fluker – OT
Manti Te’o – LB
Keenan Allen – WR
Steve Williams – CB
Tourek Williams – DE
Brad Sorensen – QB

Plantel do San Diego Chargers
Quarterbacks
  •  7 Nathan Enderle
  • 17 Philip Rivers
  •  4 Brad Sorensen
  •  6 Charlie Whitehurst
Running backs
  • 20 Edwin Baker
  • 23 Ronnie Brown
  • 44 Chris Gronkowski FB
  • 30 Michael Hill
  • 24 Ryan Mathews
  • 33 Le’Ron McClain FB
  • 34 Fozzy Whittaker
  • 39 Danny Woodhead
Wide receivers
  • 84 Danario Alexander
  • 13 Keenan Allen
  • 86 Vincent Brown
  •  3 Deon Butler
  • 82 Dan DePalma
  • 80 Malcom Floyd
  • 15 Richard Goodman
  • 12 Robert Meachem
  • 11 Eddie Royal
  •  2 Luke Tasker
  • 10 Michael Willie
Tight ends
  • 87 Ben Cotton
  • 85 Antonio Gates
  • 89 Ladarius Green
  • 83 John Phillips
  • 88 David Rolf
  • 81 Dallas Walker
Offensive linemen
  • 64 Colin Baxter C
  • 67 Nick Becton T
  • 66 Jeromey Clary G/T
  • 62 Brandyn Dombrowski T
  • 77 King Dunlap T
  • 76 D. J. Fluker G/T
  • 61 Nick Hardwick C
  • 79 Michael Harris T
  • 60 David Molk C
  • 74 Rich Ohrnberger G/C
  • 65 Randy Richards T
  • 78 Chad Rinehart G
  • 72 Stephen Schilling T
  • 70 Max Starks T
  • 63 Johnnie Troutman G
Defensive linemen
  • 95 Kwame Geathers NT
  • 71 Logan Harrell DE
  • 68 Byron Jerideau NT
  • 94 Corey Liuget DE
  • 98 Jamarkus McFarland DE
  • 73 Brandon Moore DE
  • 91 Kendall Reyes DE
  • 75 Damik Scafe DE
  • 92 Cam Thomas NT
  • 99 Jarius Wynn DE
Linebackers
  • 46 Frank Beltre OLB
  • 97 Bront Bird OLB
  • 56 Donald Butler ILB
  • 53 Phillip Dillard ILB
  • 52 Larry English OLB/DE
  • 93 Dwight Freeney OLB/DE
  • 59 Andrew Gachkar ILB
  • 54 Melvin Ingram OLB/DE
  • 96 Jarret Johnson OLB/DE
  • 90 Thomas Keiser OLB/DE
  • 49 Daniel Molls ILB
  • 51 D. J. Smith ILB
  • 50 Manti Te’o ILB
  • 48 Devan Walker OLB
  • 58 Tourek Williams OLB/DE
Defensive backs
  • 37 Jahleel Addae SS
  • 41 Cornelius Brown CB
  • 43 Greg Brown CB
  • 45 Tony Burnett SS
  • 40 Sean Cattouse FS
  • 22 Derek Cox CB
  • 35 Marcus Cromartie CB
  • 31 Greg Gatson CB
  • 38 Marcus Gilchrist CB
  • 36 Josh Johnson CB
  • 42 William Middleton CB
  • 26 Johnny Patrick CB
  • 25 Darrell Stuckey FS
  • 28 Brandon Taylor SS
  • 32 Eric Weddle FS
  • 27 Steve Williams CB
  • 29 Shareece Wright CB
Special teams
  •  1 Richard Kent P
  •  9 Nick Novak K
  •  5 Mike Scifres P
  • 47 Mike Windt LS

Acabou a era Norv Turner no San Diego Chargers. Depois de seis temporadas como técnico do time da Califórnia, o treinador saiu do time e foi ser coordenador ofensivo nos Browns. A escolha dos Chargers para o substituto de Turner veio de perto: Mike McCoy, ex-coordenador ofensivo do rival Denver Broncos.
Essa mudança é muito significativa em San Diego, assim como a chegada de Tom Telesco para ser General Manager do time.

Sai Norv Turner, mas segue sendo Philip Rivers o quarterback da franquia. Motivo de piadas para muitos torcedores da NFL, Rivers está em situação complicada e precisa mostrar uma boa temporada. Para isso, tem bons recebedores a sua disposição: Eddie Royal, Robert Meachem, Denario Alexander e o grande TE Antonio Gates.

Quem também fracassou na última temporada foi o RB Ryan Mayhews, que precisa, finalmente, mostrar a que veio na NFL. Nenhuma grande temporada pelo que se espera dele.

Se o ataque foi muito mal, a defesa dos Chargers foi bem no ano passado, tanto que mantiveram o coordenador defensivo John Pagano. Segunda melhor em jardas por jogo, sexta melhor em jardas terrestres cedidas e uma média de 21,9 pontos por partida, além do alto número de turnovers forçados.

Como o calendário do time é bem complicado, para pensar em voltar aos playoffs, o San Diego Chargers vai precisar vencer, no mínimo, quatro partidas contra os rivais de divisão: as três em casa e mais uma fora – de preferência contra o Denver Broncos, que deve ser o rival mais forte, e fazer muito bem o dever de casa.

Previsão do NFL Brasil: Estava mais otimista sobre o time nos últimos anos. Com muitas mudanças, não vejo os Chargers fazendo frente aos Broncos e acho que briga com os Chiefs pela segunda posição da AFC West. Para ir aos playoffs como Wild Card, a campanha vai ter que ser muito boa para vencer Bengals, Colts ou Ravens. Tarefa dificilíssimo.


Belorizontino de nascimento, jornalista por opção 
e fã da NFL, Rafael Araújo é o criador do @NFLBrasil.

    Última Jarda

    Time Última Jarda - as principais notícias do mundo da NFL estão aqui!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Odds Shark Ad Bottom