Prévia da temporada 2013: New Orleans Saints

Estádio: Mercedes-Benz Superdome

Donos: Tom Benson e Rita Benson LeBlanc

Títulos de Super Bowl: Um, conquistado em 2009

Posição em 2012: (7 – 9) Empatado na última posição da NFC South

Técnico: Sean Payton

A estrela: Drew Brees

Quem pode surpreender: Kenny Vaccaro

Draft 2013: 
Kenny Vaccaro – S
Terron Armstead – OT
John Jenkins – NT
Kenny Stills – WR

 

Plantel do New Orleans Saints
Quarterbacks
  •  9 Drew Brees
  •  4 Ryan Griffin
  •  7 Luke McCown
  • 10 Seneca Wallace
Running backs
  • 39 Travaris Cadet
  • 45 Jed Collins FB
  • 22 Mark Ingram
  • 35 Austin Johnson
  • 29 Khiry Robinson
  • 43 Darren Sproles
  • 23 Pierre Thomas
Wide receivers
  • 85 Steve Breaston
  • 12 Marques Colston
  • 11 Jarred Fayson
  • 18 Saalim Hakim
  • 86 Brent Leonard
  • 16 Lance Moore
  • 13 Joseph Morgan
  • 87 Preston Parker
  • 15 Courtney Roby
  • 84 Kenny Stills
  • 14 Andy Tanner
  • 88 Nick Toon
  • 19 Tim Toone
Tight ends
  • 80 Jimmy Graham
  • 81 Mike Higgins
  • 89 Josh Hill
  • 83 Keavon Milton
  • 82 Benjamin Watson
Offensive linemen
  • 72 Terron Armstead T
  • 71 Charles Brown T
  • 60 Brian de la Puente
  • 73 Jahri Evans G
  • 66 Ben Grubbs G
  • 79 Bryce Harris T
  • 65 Ricky Henry G
  • 70 Marcel Jones T
  • 68 Tim Lelito G
  • 61 Elliot Mealer G
  • 69 Eric Olsen C/G
  • 78 Jason Smith T
  • 64 Zach Strief T
  • 67 Andrew Tiller G
  • 63 Jeremiah Warren C
Defensive linemen
  • 62 Isaako Aaitui NT
  • 77 Brodrick Bunkley NT
  • 99 Kenyon Coleman
  • 74 Glenn Foster DE
  • 76 Akiem Hicks NT/DE
  • 92 John Jenkins NT
  • 96 Tom Johnson DE
  • 94 Cameron Jordan
  • 97 Jay Richardson DE
  • 75 Tyrunn Walker DE
Linebackers
  • 98 Baraka Atkins OLB
  • 56 Chris Chamberlain ILB
  • 93 Junior Galette OLB
  • 57 David Hawthorne ILB
  • 54 Will Herring ILB
  • 53 Ramon Humber ILB
  • 59 Rufus Johnson OLB
  • 50 Curtis Lofton ILB
  • 55 Eric Martin OLB
  • 52 Kevin Reddick ILB
  • 46 Ray Shipman ILB
  • 91 Will Smith OLB
  • 58 Chase Thomas OLB
  • 51 Jonathan Vilma ILB
  • 95 Martez Wilson OLB
Defensive backs
  • 42 Isa Abdul-Quddus FS
  • 25 Rafael Bush FS/SS
  • 40 Chris Carr CB
  • 20 A. J. Davis CB
  • 33 Jabari Greer CB
  • 41 Roman Harper SS
  • 27 Malcolm Jenkins FS
  • 36 Jim Leonhard SS/FS
  • 28 Keenan Lewis CB
  • 34 Korey Lindsey CB
  • 37 Jerico Nelson FS
  • 30 Akwasi Owusu-Ansah SS
  • 21 Patrick Robinson CB
  • 38 Rod Sweeting CB
  • 31 Dion Turner CB
  • 32 Kenny Vaccaro SS
  • 24 Corey White CB
Special teams
  • 47 Justin Drescher LS
  •  5 Garrett Hartley K
  •  6 Thomas Morstead P

O New Orleans Saints foi uma verdadeira bagunça ano passado. A ausência do treinador Sean Payton – suspenso por comandar o “programa de recompensas”- foi muito sentida, os técnicos interinos não deram conta de organizar o time. A perspectiva é totalmente diferente para a próxima temporada, o retorno do treinador promete colocar ordem na casa, tanto dentro como fora de campo. A campanha de 7-9 em 2012 foi a pior desde a chegada do QB Drew Brees, no ano de 2006.
Não que Brees tenha tido um ano ruim, muito pelo contrário. Foram 5,177 jardas, 43 touchdowns e 17 interceptações. O que matou os Saints ano passado foi o ataque não conseguir manter a posse de bola e ficar mais em campo, muito por conta da ausência de Payton na chamada das jogadas. Com isso, a defesa que não é espetacular ficava muito tempo em campo e se desgastava. Resultado: o ataque pontuava, mas por não conseguir controlar o relógio o time levava mais pontos do que fazia, perdendo as partidas.
Com o retorno de Sean Payton, a promessa é de um ataque ainda mais explosivo em 2013. As peças são praticamente as mesmas: Marques colston, Lance Moore e o fantástico Jimmy Graham estão saudáveis e impressionando no training camp. A única baixa no corpo de wide receivers foi Devery Henderson, a principal ameaça nos passes longos. Seu substituto natural era Joe Morgan, mas o WR rompeu o ligamento cruzado anterior e está fora da temporada. Na ausência de Morgan, o veterano Steve Breaston foi contratado e deve assumir o posto de terceiro wide receiver.
Além de Henderson, o RB Chris Ivory também se foi, deixando Mark Ingram, Pierre Thomas e Darren Sproles responsáveis por carregar o jogo terrestre. Se bem que o dinâmico Sproles recebe mais passes curtos do que corre com a bola, foram 161 recepções e 14 touchdowns aéreos nos últimos dois anos. Como ele carregou a bola somente 48 vezes ano passado, Ingram e Thomas brigarão pela posição de titular.
Se no ataque a perspectiva de sucesso é gigante, na defesa as coisa não vão nada bem. Após ceder 7,042 jardas para os adversários ano passado, pior número da história da NFL, o coordenador defensivo Steve Spagnuolo foi demitido, dando lugar ao controverso Rob Ryan. Um nome de peso, sem dúvida, o problema é que Ryan é mais famoso pelas polêmicas do que pelo bom trabalho. Nunca um time que ele dirigiu teve mais vitórias que derrotas, em apenas uma oportunidade uma defesa comandada por ele ficou no top 10. 
Junte isso a uma troca drástica de esquema para ver a perspectiva bem nebulosa. Assim como estão fazendo Eagles e Browns, os Saints trocarão o esquema 4-3 para o 3-4, mas sem muita preparação e peças para tal mudança. A situação piora ainda mais quando o único nome contratado para melhorar o fraco pass-rush do time, Victor Butler, rompe o ligamento cruzado anterior do joelho e não joga mais em 2013. New Orleans chegou no quarterback adversário somente 30 vezes em 2012, o quinto pior time da NFL no quesito.
Pelo menos a secundária recebeu importantes reforços, com certeza terá um desempenho melhor do que o papelão do ano passado. Além do calouro Kenny Vaccaro, considerado o melhor safety dos últimos drafts, os Saints trouxeram o cornerback Keenan Lewis para fazer dupla com Jabari Greer. Claro que a volta de Sean Payton também ajudará demais essa defesa a funcionar como deveria.
Previsão do NFL Brasil: A volta de Sean Payton traz uma nova perspectiva sobre o que esperar do New Orleans Saints para este ano. O ataque será muito bom como sempre, o divisor de águas entre uma briga por playoffs e uma campanha pífia será a remodelada defesa.  Vencer a divisão acho meio complicado, mas certamente a equipe brigará por uma das vagas de Wild Card da NFC. Os Saints devem ficar entre 9-7 e 10-6.
Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL,  
Matheus Filippi é editor do @NFLBrasil.
  


    Última Jarda

    Time Última Jarda - as principais notícias do mundo da NFL estão aqui!

    One thought on “Prévia da temporada 2013: New Orleans Saints

    • 8 agosto, 2013 em 1:50
      Permalink

      SAINTS VAI SER CAMPEÃO ESSA TEMPORADA! WHO DAT NATION! GO SAINTS GO SAINTS GO!!!!!

    Fechado para comentários.

    Odds Shark Ad Bottom