Principais free agents de 2013: running backs

Se a lista dos quarterbacks disponíveis no mercado da NFL não empolgou o torcedor, o mesmo não se pode dizer dos running backs. Temos vários bons jogadores da posição com o contrato acabando, ótimas opções para alguns times que sofreram para correr com a bola ano passado. Confira os principais nomes:
– Reggie Bush
Aos 27 anos, Bush é o principal nome da posição sem contrato para 2013. Ele foi muito bem nos dois últimos anos que defendeu o Miami Dolphins, passou das mil jardas em 2011 e ficou a 14 de repetir o feito em 2012. Apesar do jogador já ter mostrado interesse em permanecer em Miami, muitos times já mostraram interesse em contar com o camisa 22 para a próxima temporada. Detroit Lions e Green Bay Packers são dois possíveis destinos do RB.
– Shonn Greene
Outro bom nome que está como free agent. Também com 27 anos, ele já mostrou que tem talento para comandar o jogo terrestre na NFL. Greene passou das mil jardas terrestres nas últimas duas temporadas e possui uma média de 4,2 jardas por tentativa na carreira. Apesar da maior corrida dele como profissional ter sido de 36 jardas, ele é uma ótima opção em corridas pelo meio da linha. Posse de bola é algo cada vez mais valorizado na NFL de hoje, um jogador com a capacidade de conseguir jardas pelo meio tem espaço em muitos times da liga.
– Steven Jackson
O caso dele é um pouco diferente dos demais, pois Jackson ainda possui um ano de contrato com o St. Louis Rams. Entretanto, o jogador já afirmou mais de uma vez que deve abrir mão do acordo de sete milhões de dólares e tentar um contrato mais longo com outra equipe, ou até mesmo com o próprio Rams. Apesar dos 30 anos, idade crítica para running backs, ele teve um final de temporada primoroso, com uma média de 108 jardas da linha de scrimmage nas últimas oito partidas. Caso não entre em acordo com o St. Louis, o camisa 39 é uma ótima opção para muitos times da NFL.    
– Ahmad Bradshaw
Dispensado do New York Giants, ele não deve ficar desempregado por muito tempo. Apesar do seu histórico de lesões, alguns times já mostraram interesse em contar com o camisa 44 no elenco. Bradshaw passou recentemente por mais uma cirurgia no pé, deve ter seu destino definido em abril, quando estiver 100% recuperado. Ele passou das mil jardas ano passado em apenas 12 partidas como titular.
-Rashard Mendenhall
Apesar de ter talento, Mendenhall não será a primeira opção dos times na posição. Ele sofreu com uma ruptura no ligamento cruzado anterior do joelho ano passado, mostrou pouca produtividade no retorno aos gramados e foi colocado no banco de reservas. Isso aliado a atos de indisciplina pesaram na hora do Pittsburgh Steelers não renovar o contrato do atleta que foi a primeira escolha da equipe no draft de 2008. Pode ser que em um novo ambiente ele volte a render, mas certamente isso não vai acontecer à curto prazo.
– Danny Woodhead
Peça fundamental do New England Patriots nos últimos anos, ele perdeu espaço na última temporada com o bom desempenho dos jovens Stevan Ridley e Shane Vereen. A tendência é que ele aceite uma renovação com os Patriots, mas dificilmente o time cobrirá uma possível investida de outra equipe. Também retornador de chutes, Woodhead acumulou mais de mil jardas correndo e outras mil recebendo passes nos últimos quatro anos em New England.
– LeGarrette Blount
Após duas temporadas muito boas no Tampa Bay Buccaneers, Blount perdeu espaço em 2012 com a chegada do técnico Greg Schiano e a ascensão do calouro Doug Martin. Após acumular mais de 1,800 jardas em 2010 e 2011, ele carregou a bola apenas 41 vezes ano passado. Pode ser uma ótima aquisição para as equipes que não correram bem com a bola na última temporada. Lembrando que ele está como “restricted free agent” (jogador livre com restrição), ou seja, ele pode assinar com qualquer time, porém seu time atual tem a chance de igualar a oferta ou receber escolhas do draft por ele.
-Chris Ivory
Ivory é outro “restricted free agent” que terá espaço em muitos times da NFL.  Ele nunca conseguiu mostrar realmente a que veio pela dura concorrência no New Orleans Saints. Além dele, a equipe conta com Mark Ingram, Pierre Thomas e Darren Sproles na posição.  Nos três anos em New Orleans, Ivory carregou a bola 256 vezes e possui uma ótima média de 5,1 jardas por corrida. Vale muito à pena investir no jovem de apenas 24 anos.
Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL, Matheus 
Filippi é editor do @NFLBrasil.

Siga-nos no Twitter @NFLBrasil – Visite nossa página no Facebook – NFL Brasil

    Última Jarda

    Time Última Jarda - as principais notícias do mundo da NFL estão aqui!

    3 thoughts on “Principais free agents de 2013: running backs

    • 20 fevereiro, 2013 em 1:28
      Permalink

      O N.O. Saints tem que pensar bem nessa saída do Ivory. A meu ver, ele teve uma temporada melhor que Ingram e Thomas. E ainda assim nenhum desses, nem mesmo Sproles, passa a confiança de um Peterson, um Marshawn Lynch ou de um Alfred Morris. O time na segunda metade da temporada, claramente por ordem do treinador, tentou mais jogadas terrestres, mas serviu apenas para tirar um pouco a atenção da defesa sobre as jogadas aéreas. O Brees confia mesmo nos TE e WR do time…

      Resposta
    • 20 fevereiro, 2013 em 8:41
      Permalink

      Se Reggie Bush fechar com os Lions, quem para um ataque com ele e Megatron?

      Sugestão: criar um post fixo (igual ao do SB), atualizando-o pelo menos semanalmente, com as transações já realizadas.

      Resposta

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Odds Shark Ad Bottom