Chargers aproveitam a fragilidade do Chiefs e vencem com tranquilidade

O Kansas City Chiefs mostrou no úitimo Thursday Night Football o motivo de ser um dos fortes candidatos a ter a primeira escolha do Draft do ano que vem. Com uma atuação fraquíssima e um caminhão de turnovers cometidos, o time perdeu para o San Diego Chargers por 31 a 13, no jogo que abriu a semana 9 da NFL.

Empolgado com o torcedor que lotou o Qualcomm Stadium, o San Diego impôs um ritmo forte e anotou um TD logo na primeira campanha, em um passe de 28 jardas de Philip Rivers para o TE Antônio Gates.  Apesar de ter o quinto pior ataque da NFL, o Kansas City teve um bom primeiro drive de 8 minutos, balanceou corridas e passes, até que esbarrou no principal problema da temporada: turnovers. Sim, mais um. O WR Dwayne Bowe vinha fazendo um bom jogo, mas sofreu um fumble e a bola voltou para o Chargers. Foi o 26º turnover do time, maior marca disparada na liga. 

O jogo seguiu morno no segundo quarto, apenas um field goal de cada lado. Isso até o QB do time da casa receber a bola pouco antes do intervalo. Rivers estava fazendo uma partida impecável, 179 jardas, 14 passes completados de 15 tentados, um touchdown… Faltando 20 segundos para o intervalo, ele estava com a bola a uma jardinha da end zone. Fez um play action, foi para trás e lançou uma interceptação bizarra nas mãos do safety Eric Berry. No lucro, o Chiefs ajoelhou na bola e o primeiro tempo terminou 10 a 3 para San Diego.

Na volta para a segunda etapa, ficou evidente a má fase que vive o Kansas City. O time finalmente conseguiu um turnover após Eric Weddle sofrer o fumble no retorno de punt. Mas além de não conseguir converter a roubada de bola em pontos, o time viu seu kicker, que não havia errado nenhum field goal o ano todo, perder em uma tentativa de 39 jardas. Alguns minutos depois, o mesmo Ryan Succop acertou um de 42 jardas e o Kansas diminuiu a diferença para apenas quatro pontos no início do último quarto.

Apesar da mecânica de lançamento do Philip River ser bizarra, ele aproveitou a quarta pior defesa da NFL e lançou seu segundo TD na partida, dessa vez para Malcom Floyd. Depois disso, Rivers nem precisou mais entrar em campo. A defesa de San Diego marcou dois touchdowns e sacramentou a vitória. Um deles surgiu de um fumble na endzone forçado no QB Matt Cassell, o rei dos turnovers, com 18 em 2012.  O outro saiu de uma interceptação do LB Demorrio Williams retornada para TD. Kansas City ainda diminuiu com um TD terrestre de Shaun Draughn.

Nenhum dos times terá vida fácil na próxima rodada. Ainda vivo na briga com Denver pelo título da divisão, o Chargers (4-4) vai até Tampa enfrentar um Buccaneers embalado. Já o Kansas City (1-7), certamente pensando na primeira escolha do Draft 2013, viajará até Pittsburgh para enfrentar o Steelers.
Jornalista de Jundiaí e apaixonado pela NFL, Matheus 
Filippi é colaborador do @NFLBrasil.

    Última Jarda

    Time Última Jarda - as principais notícias do mundo da NFL estão aqui!

    Odds Shark Ad Bottom