Miami Dolphins – Expectativas para a temporada

O Miami Dolphins foi a equipe que, sem dúvida, se deu pior no período de free agency. Além de perder Manning e Flynn, o time da Flórida ficou sem seu principal recebedor: Brandon Marshall. Com essas desiluções antes do início da temporada, o que podemos esperar dos golfinhos.


Estádio: Sun Life Stadium

Dono: Stephen M. Ross (Dono majoritário)

Títulos de Super Bowl: Dois (1972 e 1973)

Posição em 2011: (5-11) Quarto colocado na AFC East

Técnico: Joe Philbon

Draft 2012:
Ryan Tannehill – QB
Jonathan Martin – OT
Olivier Vernon – DE
Michael Egnew – TE
Lamar Miller – RB
Josh Kaddu – LB
B.J. Cunningham – WR
Jonte Green – DB
Kheeston Randall – DT
Rishard Matthews – WR

Plantel do Miami Dolphins
Quarterbacks

  •  7 Pat Devlin
  •  9 David Garrard
  •  8 Matt Moore
  • 17 Ryan Tannehill

Running Backs

  • 22 Reggie Bush
  • 41 Jorvorskie Lane FB
  •  6 Ryan Mahaffey FB
  • 35 Jerome Messam FB
  • 44 Lamar Miller
  • 23 Steve Slaton
  • 34 Marcus Thigpen
  • 33 Daniel Thomas

Wide Receivers

  • 15 Davone Bess
  • 16 B. J. Cunningham
  • 83 Jeff Fuller
  • 10 Clyde Gates
  • 82 Brian Hartline
  • 81 Chris Hogan
  • 85 Chad Johnson
  • 86 Rishard Matthews
  • 14 Marlon Moore
  • 19 Legedu Naanee
  • 11 Julius Pruitt
  • 18 Roberto Wallace

Tight Ends

  • 87 Les Brown
  • 42 Charles Clay FB
  • 84 Michael Egnew
  • 80 Anthony Fasano
  • 88 Jeron Mastrud
Offensive Line

  • 61 Will Barker T
  • 63 Chandler Burden G
  • 62 Ryan Cook C
  • 69 Ray Feinga T
  • 75 Nate Garner G
  • 73 Artis Hicks G
  • 68 Richie Incognito G
  • 74 John Jerry G
  • 77 Jake Long T
  • 71 Jonathan Martin T
  • 67 Andrew McDonald T
  • 76 Lydon Murtha T
  • 51 Mike Pouncey C
  • 64 Josh Samuda C
  • 65 Eric Steinbach G
  • 60 Will Yeatman T

Defensive Line

  • 95 Isaako Aaitui DT
  • 66 Chas Alecxih DT
  • 90 Ryan Baker DT
  • 78 Tony McDaniel DT
  • 98 Jared Odrick DE/DT
  • 97 Kheeston Randall DT
  • 70 Jarrell Root DE
  • 79 Derrick Shelby DE
  • 72 Jacquies Smith DE
  • 96 Paul Soliai DT
  • 94 Randy Starks DT
  • 50 Olivier Vernon DE
  • 91 Cameron Wake DE
  • 52 Jamaal Westerman DE
Linebackers

  • 56 Kevin Burnett OLB
  • 45 Cameron Collins MLB
  • 58 Karlos Dansby MLB
  • 49 Jonathan Freeny OLB
  • 59 Gary Guyton OLB/MLB
  • 57 Josh Kaddu OLB
  • 48 Shelly Lyons OLB
  • 55 Koa Misi OLB
  • 53 Austin Spitler MLB
  • 93 Jason Trusnik OLB

Defensive Backs

  • 43 Vince Agnew CB
  • 32 Marcus Brown CB
  • 28 Nolan Carroll CB
  • 30 Chris Clemons SS
  • 29 Tyrone Culver FS
  • 21 Vontae Davis CB
  • 47 Trenton Hughes CB
  • 26 Tyrell Johnson SS
  • 20 Reshad Jones FS
  • 36 Quinten Lawrence CB
  • 31 Richard Marshall CB
  • 37 Kelcie McCray SS
  • 40 Anderson Russell FS
  • 38 Kevyn Scott CB
  • 24 Sean Smith CB
  • 25 Jonathan Wade CB
  • 27 Jimmy Wilson SS

Special Teams

  •  5 Dan Carpenter K
  • 92 John Denney LS
  •  2 Brandon Fields P

Expectativas para 2012: Ahhh o Miami Dolphins… Sempre judiado por grande parte dos torcedores e mais ainda nesta offseason pelos acontecimentos. Depois de sonhar com Peyton Manning, pensar em Matt Flynn e acordar com David Garrard, o time virou chacota geral.
Para tentar contornar o péssimo desempenho no período de free agency, os Dolphins escolheram Ryan Tannehill na primeira rodada do Draft. Sinceramente, não levo fé no calouro não e a vaga de titular deve ficaria com o ex-aposentado David Garrard, se não fosse a lesão no joelho. Cinco semanas fora é muito, então Tannehill ou Matt Moore ficarão com a vaga de QB titular.
A linha ofensiva é boa e vai seguir protegendo bem os QBs, que tem um alvo novo (não tão novo assim), mas que pode queimar alguns litros de gasolina na NFL: Chad Johnson, ex-Ochocinco. Legedu Naanee pode ajudar o time nos passes curtos.
O sucesso para Miami começa em controlar a bola e não começar a temporada desastrosamente como em 2011, quando perdeu as sete primeiras partidas. Reagiu no final, mas acabou ficando sem a vaga e sem técnico, já que Tony Sparano acabou sendo demitido. A defesa é boa e pode dar tranquilidade para o ataque.
Com Joe Philbon, a expectativa é de que o time alcance as cinco vitórias da temporada passada ou um pouco mais. Playoffs seria uma surpresa quase inacreditável para a torcida de Miami, que está bastante desacreditada com o time.
Uma das melhores coisas de Miami… As cheerleaders:


    Última Jarda

    Time Última Jarda - as principais notícias do mundo da NFL estão aqui!

    2 thoughts on “Miami Dolphins – Expectativas para a temporada

    • 10 agosto, 2012 em 19:20
      Permalink

      Posição em 2011: (4-12) Quarto colocado na AFC East

      Com Joe Philbon, a expectativa é de que o time alcance as cinco vitórias da temporada passada ou um pouco mais.

      Afinal, 4 ou 5 vitórias em 2011? Bom post, principalmente o final. Abs.

      Resposta

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Odds Shark Ad Bottom