Packers voltam ao Super Bowl após 13 anos

Em um jogo de altos e baixos e com um final emocionante, o Green Bay Packers venceu o Chicago Bears, no Soldier Field, e vai representar a NFC no Super Bowl XLV, em Dallas.

As defesas jogaram muito bem, dominando os ataques e provocando muitos turnovers. No total, foram cinco interceptações de três QBs diferentes, já que os Bears tiveram que trocar de quarterback duas vezes por causa de lesões.

DESTAQUE DA PARTIDA: Sam Shields (GB) – Quatro tackles, duas interceptações e um fumble forçado

O JOGO
Logo na primeira campanha do jogo, os Packers conseguiram uma campanha perfeita. Foram cinco passes completos por Aaron Rodgers em cinco tentados, duas corridas do RB James Starks e uma do próprio Rodgers, que terminou dentro da endzone, anotando os primeiros pontos da final.

A partir dessa campanha foi a vez das defesas aparecerem e não deixarem os ataques liderarem. Foram 5 punts seguidos, sendo três para Chicago e dois para Green Bay.

Após essa sequência de punts, os Packers voltaram a pontuar. Em uma campanha de seis jogadas, os visitantes anotaram o segundo TD no jogo com o RB J. Starks, que conseguiu uma corrida de quatro jardas para colocar uma diferença de 14 pontos no placar.

Com as defesas crescendo cada vez mais e colocando muito pressão em ambos QBs, os erros começaram a aparecer. Foram duas interceptações quase que seguidas dentro do Two Minute Warning. Primeiro foi Aaron Rodgers, interceptado por L. Briggs e duas jogadas depois foi a vez de Jay Cutler, que além da interceptação, saiu machucado.

Na volta do intervalo, Cutler conseguiu fazer apenas um passe e foi substituído por Todd Collins. Do banco de reservas, o QB titular dos Bears viu Rodgers ser interceptado mais uma vez, mas o time da casa não aproveitou o turnover e devolveu a bola para os Packers.

No inicio do quarto período, os Bears anotaram seu primeiro touchdown. Em uma campanha comandada por Caleb Hanie, o time de Chicago conseguiu entrar na endzone dos Packers e diminuir a diferença.

Depois de algumas sem ambas as equipes produzirem nada, Hanie foi interceptado na linha de 15 jardas do campo defensivo e BJ Raji retornou para touchdown, sacramentando a vitória dos Packers.

B.J. Raji comemora sua interceptação para touchdown!

Ainda deu tempo do terceiro QB dos Bears se redimir e anotar um touchdown, dando esperanças para a torcida inflamada no Soldier Field.

Mas a esperança durou apenas alguns minutos! Após a defesa de Chicago segurar o ataque dos Packers e os Bears avançarem no campo já dentro do Two Minute Warning, Hanie mostrou sua inexperiência e foi interceptado novamente por Sam Shields, garantindo a vitória dos “cabeças de queijo” e a presença no Super Bowl XLV.

Imagem: NFL

    Última Jarda

    Time Última Jarda - as principais notícias do mundo da NFL estão aqui!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Odds Shark Ad Bottom